Novo AMD Ryzen Threadripper Pro 5995WX até 28% mais rápido que o seu antecessor

Foram revelados os primeiros benchmarks dos novos Threadripper com arquitectura Zen3, tendo sido registadas melhorias de desempenho superior até 28%.

A norte-americana Puget System já teve acesso aos novos processadores AMD Ryzen Threadripper Pro 5000 “Chagall”, tendo revelado os resultados do teste de desempenho PugetBench for Metashape, que recorre ao software Agisoft Metashape Pro 1.7.3, um popular software de fotogametria. Nos resultados publicados, é possível verificar que foi utilizada a nova plataforma AMD Sharkstooth-CGL, com 64 GB de memória RAM (4x 16 GB DDR4 3200 MHz), e uma Nvidia GeForce RTX 3080.

Nos testes efectuados ao processador utilizado, um AMD Ryzen Threadripper Pro 5995WX de 64 núcleos, o sistema utilizado conseguiu concluir a renderização de uma rocha em apenas 156.6 segundos, e o mapa da escola em apenas 608 segundos. Estes dados são importantes, pois um sistema equivalente, mas equipado com um AMD Ryzen Threadripper Pro 3995WX precisou de 205.1 segundos e 844.3 segundos, respectivamente.

Isso representa uma redução no tempo necessário para concluir a tarefa que corresponde a uma melhoria de desempenho de 24% e 28%, respectivamente, o que poderá ser derivado ao facto do novo processador utilizar a arquitectura Zen3, que no caso dos processadores para PC tradicionais registou uma melhoria média de 19%. Os novos AMD Ryzen Threadripper 5000 deverão ser lançados em Novembro, com as variantes Threadripper Pro a chegarem só em 2022.

Teste PugetBench (menor é melhor) Teste da rocha Teste mapa da escola
AMD Ryzen Threadripper Pro 5995WX 156.6 segundos 608 segundos
AMD Ryzen Threadripper Pro 3995WX 205.1 segundos 844.3 segundos