GameMarket: há um novo site português para comprar e vender consolas ou jogos usados

Apesar de ter artigos novos, o site vai servir para vender artigos vintage: neste momento há uma Atari 2600 na caixa, com 34 jogos, por 750 euros.

@GameMarket
@GameMarket | Nuno Matos

Com um conceito semelhante ao OLX, em que qualquer pessoa ou loja se pode registar para vender artigos em segunda mão (ou mesmo novos), o GameMarket.pt é um site totalmente dedicado ao gaming.

Aqui, os particulares podem criar contas para vender jogos, consolas ou acessórios usados; já as lojas, com um registo ‘Premium’, ficam autorizadas a vender produtos novos, o que não é possível a outro tipo de utilizador.

O GameMarket já tem vários anúncios activos de venda de jogos e consolas, com destaque para o vintage: entre os destaques estão, por exemplo, uma Nintendo 64 Blue Ice com quatro jogos por 250 euros, uma Atari 2600 com caixa e 34 jogos (750 euros) ou uma Master System II (250 euros).

A comparação com o OLX é inevitável, já que ambos os sites têm como conceito a colocação de anúncios gratuitos online para venda de produtos usados. Contudo, o fundador, Nuno Matos, lembra que o GameMarket «nasceu para ser o principal portal de classificados e marketplace em Portugal 100% dedicado ao gaming» e que é a alternativa para quem «procura um serviço especializado».

©GameMarket | Nuno Matos
©GameMarket | Nuno Matos criou o site no final de Abril com o irmão Pedro Matos.

Para já, os poucos anúncios de particulares do site são na sua maioria de Nuno Matos (cinco) e do irmão, Pedro Matos, que também faz parte da equipa; em relação às lojas que já têm conta, temos a Aosom e a PcComponentes, com vendas de cadeiras e secretárias de gaming, PC desktop já configurados, Xbox Series S e Nintendo Switch.

Nuno justifica a presença destas lojas no site com o seu percurso profissional dos últimos anos: «Além do GameMarket, tenho lançado outros projectos de referência nacional e internacional desde 2013 [bikemarket.pt, autoads.pt]. Durante este período tenho estabelecido várias parceiras e aderido a vários programas de afiliados de várias empresas em diversos sectores com lojas online»

Segundo o fundador deste site, estas empresas «valorizam» os seus projectos e vêem-no como «bons canais para promoverem os seus produtos e aumentarem as suas vendas». Além da Aosom e da PcComponentes, Nuno Matos fala ainda da Decathlon e da Sport Zone, apesar de ambas ainda não terem produtos à venda no GameMarket.

©GameMarket |
©GameMarket | Neste momento, o site tem cinco consolas vintage à venda.

Mas o GameMarket não é só uma plataforma de vendas de jogos, consolas ou acessórios – é ainda possível criar anúncios para pedir patrocínios, oferecer artigos usados, trocar, alugar, sortear e até mesmo organizar um torneio de gaming, por exemplo.

Para empresas, o site está com uma promoção: até 15 de Maio, há um desconto de 50% em «todos os serviços»: activação das contas, contas premium e banners de publicidade.

Sobre a estratégia de promoção do site, Nuno Matos diz que, numa primeira fase vai apostar na divulgação «exclusivamente online e em vários canais estratégicos», mas não põe de lado outros “voos”: «A divulgação presencial poderá ser uma mais-valia e iremos avaliar oportunidades que possam surgir, quer sejam eventos gaming, feiras ou outros».