Jogos aos soluços? A TP-Link tem 5 dicas para gamers impacientes

©Sean Do
©Sean Do

Não ter lag é fundamental para jogar sem problemas, mas actualmente, com muitos de nós em casa e a usar Internet ao mesmo tempo, isto pode ser complicado.

Para ajudar os gamers a ter a melhor experiência possível, e a não ficarem impacientes durante uma sessão de jogo online, a TP-Link, tem cinco dicas para que esta experiência decorra sem soluços e travões.

1 – Verificar a velocidade de acesso contratada
Para jogar online, a velocidade mínima contratada deverá ser de 25 Mbps. Além disso, a tecnologia utilizada também tem uma palavra a dizer: a fibra ótica tem um ping (latência) inferior ao ADSL.

2 – Ligar por cabo é sempre melhor opção
Uma ligação por cabo LAN assegura a melhor velocidade e a eliminação das habituais interferências de Wi-Fi. Além disso, garante um ping menor, algo particularmente acentuado em ligações wireless. Se tem hipótese de utilizar uma ligação com fios, não hesite.

3 – Melhor sinal WiFi em toda a casa
Em algumas ocasiões, a distância entre o PC ou a consola e o router pode prejudicar o sinal de acesso à net. Nestes casos, o ideal é instalar um extensor de cobertura ou um PLC (extensão de Internet através da rede eléctrica) para garantir o melhor sinal. Outra opção passa por apostar na tecnologia Mesh, que junta equipamentos de vários tipos para reforçar o sinal.

4 – Reduzir o número de dispositivos ligados à mesma rede WiFi
Quanto mais elevado for este número, mais baixa a velocidade de navegação. Porque não reduzir o número de equipamentos ligados à mesma rede Wi-
Fi e segmentar o acesso entre as duas bandas de frequência do router (de 2,4 GHz e 5 GHz)?

5 – Apostar num router que responda às reais necessidades
Os operadores disponibilizam um router standard a todos os seus clientes. Para gaming, o recomendável é substituir esse router por um que assegura maior velocidade/estabilidade (Wi-Fi 6) e que ao mesmo tempo optimize o fluxo dos jogos, assegurando uma melhor experiência.