HardwareMercadosNotícias

Broadcom quer comprar a Qualcomm por 130 mil milhões de dólares

Qualcomm-Center-New

A Broadcom, uma empresa fabricante de chips Wi-Fi, anunciou hoje que fez uma oferta de 130 mil milhões de dólares (cerca de 112 mil milhões de euros) à Qualcomm.

Um rumor que dava conta da proposta surgiu no passado fim-de-semana. De salientar que a Broadcom foi adquirida pela Avago Technologies em Maio de 2015 por 37 mil milhões de dólares (31 mil milhões de euros).

Contudo, de acordo com uma fonte da Bloomberg, o negócio não deverá concretizar-se. Tudo leva a crer que a Qualcomm irá recomendar aos accionistas que rejeitem esta operação uma vez que o longo processo de aprovação das entidades reguladoras pode negar potenciais ganhos com as acções da empresa em bolsa.

«A nossa proposta dá aos accionistas da Qualcomm um prémio substancial e imediato em dinheiro pelas suas acções, assim como a oportunidade para participar no potencial do grupo resultante», afirmou Hock Tan, CEO da
Broadcom.

A Apple é uma das gigantes tecnológicas que usufruem das tecnologias da Broadcom e da Qualcomm. Caso o negócio venha mesmo a concretizar-se, de acordo com a notícia do site Engadget, isso poderá ter um efeito na oferta e nos preços dos chips Wi-Fi e dos modem para os dispositivos móveis.

Via Engadget, Bloomberg, Broadcom.

PCGuia
Este site utiliza cookies. Ao continuar a utilizá-lo estará a aceitar a nossa política de privacidade e os nossos Termos de utilização. Mais informação acerca da forma como utilizamos cookies está disponível aqui.
×