Futuros AMD Ryzen 7000 X3D só deverão estar disponíveis com modelos de 6 e 8 núcleos

Deverá ser já durante o CES 2023 que a AMD revelará a introdução da tecnologia 3D V-Cache na família Ryzen 7000. Espera-se o lançamento de dois modelos, um de oito e outro de seis núcleos.

A AMD planeia iniciar o próximo ano com a expansão da nova família de processadores Ryzen 7000, de arquitectura Zen4, com a introdução de novos modelos, mas aqueles que maior expectativa tem gerado serão os que virão equipados com a tecnologia 3D V-Cache, a mesma que tem feito maravilhas com o ainda impressionante AMD Ryzen 7 5800X3D.

Aparentemente, a AMD deverá revelar já em Janeiro, durante o CES 2023, os primeiros modelos a virem equipados com essa tecnologia, e estes deverão ser dois, um com 8 núcleos e outro com seis núcleos, o que deixa antever que deveremos esperar o lançamento de um AMD Ryzen 7 7800X3D e um Ryzen 5 7600X3D.

Também deverão ser apresentados os novos Ryzen 7000G, os primeiros APU a utilizar a nova plataforma AM5. Estes só deverão ser revelados na segunda metade de 2023, e deverão utilizar a arquitectura Zen4 no módulo de CPU, e RDNA3 na controladora gráfica integrada. Aparentemente, estes apenas serão compatíveis com memórias DDR5-4800, e estarão disponíveis com variantes de 6 e 8 núcleos.

Por fim, falta falar na democratização da plataforma AM5, com a chegada do chipset de entrada de gama AMD A620. Este deverá chegar ao mercado durante o segundo trimestre de 2023, e deverá diferenciar-se dos já revelados AMD X670 e B650 pela inexistência de capacidade de overclock do processador. Poderão existir outras limitações que permitam à AMD disponibilizar este chipset a preços mais acessíveis.