Oppo Reno8

Depois de termos testado o modelo mais avançado, chega agora a vez da versão "normal" desta nova gama da Oppo.

©Oppo
©Oppo

A tendência de ter smartphones “normais” e uma sua versão Pro não é um exclusivo da Apple. Há várias marcas que usam Android que adoptam esta designação para diferenciar os seus modelos e a chinesa Oppo é um desses exemplos.

O Reno8 e o Reno8 Pro foram anunciados no final do Verão naquele que foi o primeiro evento da marca na Europa – em Paris, onde a PCGuia esteve presente. Depois de termos testado o modelo mais avançado (na edição 321 da revista), chega agora a vez da tal versão “normal” desta nova gama da Oppo.

De acordo com os resultados que tivemos nos testes, as diferenças de desempenho entre os dois fazem-se notar: por exemplo, no AnTuTu há oito mil pontos a separar estes dois modelos e no PCMark, seis mil.

Como é óbvio, isto deve-se aos componentes usados nestes dois telemóveis: os processadores são ambos Mediatek Dimensity, mas de gamas diferentes: um 1300 no Reno8 e um 8100-Max no Pro. Nas GPU (Mali), a situação repete-se: G77 MC9 e G610 MC6, respectivamente. Isto sente num teste puramente gráfico, o 3DMark WildLife, onde o Reno8 teve 4646 pontos e o Pro 5764.

Contudo, no GeekBench Compute, o Reno8 ficou à frente do Pro, ainda que por um fio de cabelo: 4916 contra 4919 – a diferença é completamente irrisória.

Entre os dois destacamos mais duas diferenças: no Pro, o ecrã pode chegar aos 120 Hz (apenas 90, no Reno8) e tem HDR+, algo que o modelo “normal” não tem. No campo da fotografia, apesar de o conjunto das câmaras frontal e traseira ter o mesmo número de MP (32 e 60), o Pro consegue gravar vídeo 1080p a 240 fps (no Reno 8, 120).

Onde o Reno 8 superou o seu irmão mais “poderoso” foi no teste de autonomia, com quase mais cem minutos (916 contra 833) – a bateria, nos dois modelos, é a mesma – 4500 mAh.

Pesando todos estes dados, e tendo em conta os resultados das medições que fizemos, o Reno 8 é um melhor telemóvel na sua gama de preços que o Pro é no domínio dos smartphones que custam mais de mil euros.


Distribuidor: Oppo

Preço: €599,99


Benchmarks

  • AnTuTu v9: 607 842
  • 3D Mark Wild Life: 4646
  • GeekBench 5 Single CPU: 587
  • GeekBench 5 Multi CPU: 2541
  • GeekBench 5 OpenCL: 4919
  • PCMark Work 10: 14 027
  • PCMark Work 10 Autonomia: 916 minutos

Ficha Técnica

Processador: MediaTek Dimensity 1300
Memória: 8 GB
Armazenamento: 256 GB
Câmaras: 50 MP f/1.8 + 8 MP f/2.2 + 2 MP f/2.2 (traseira); 32 MP f/2.4 (frontal)
Ecrã: 6,4″ AMOLED a 90 Hz (2400 x 1080), 411 ppi
Bateria: 4500 mAh
Dimensões: 160,6 x 73,4 x 7,7 mm
Peso: 179 gr