Rowenta X-Ô

A comodidade de ter um mix entre aspirador sem fios e de trenó é real.

Não se liga a uma app por Bluetooth, nem anda sozinho pela casa a aspirar; contudo, este novo equipamento da Rowenta tem uma característica que o leva a entrar naquele lote de gadgets que pode ser uma mais-valia para qualquer casa. O X-Ô junta o conceito de aspirador trenó (o nome dado aos modelos que têm uma espécie de carrinho, onde fica o motor e o depósito do lixo) ao de um sem fios, um ovo de Colombo do mercado da limpeza doméstica. Por um lado, tem de haver a conveniência de termos uma bateria que nos liberte das amarras dos cabos; por outro, temos de ter uma potência que nem sempre está disponível nos modelos “wireless”.

Depois de usarmos o X-Ô durante umas semanas, podemos dizer que estes dois mundos se encontram neste aspirador da Rowenta, a que se junta outro “detalhe”: o silêncio. Quando está no modo Eco (há mais três – ‘Boost’, ‘Max’ e ‘High’), chega mesmo a ser complicado perceber quando é que o X-Ô está ligado.

A juntar a estas características, temos uma forma de locomoção que faz lembrar a do BB-8, o droide que se estreou na saga Star Wars em The Force Awakens: há 54 pequenos rolamentos montados na circunferência das duas grandes rodas do aspirador, que fazem com que seja possível movimentá-lo em 360 graus, pelo chão. Isto torna-o mais ágil e flexível quando o estamos a puxar – dificilmente fica preso numa esquina ou numa perna de uma mesa.

A comodidade de ter um mix entre aspirador sem fios e de trenó é real: o X-Ô é um bom “resumo” destas duas realidades. Tem autonomia para limpar três ou quatro vezes uma casa média sem ser carregado e uma potência de quatro níveis, que permite ir ajustando a aspiração ao nível de sujidade que existe.

Nota: 4,5/5
rowenta.pt | €494,99