Projectos tecnológicos para painéis solares são os grandes vencedores do Building The Future Hackathon

O primeiro lugar (3000 euros) foi atribuído ao projecto Solar PV Positioning Optimizer Module, da empresa norte-americana Apollo Analytics.

©ElectriciTree
©ElectriciTree

Já são conhecidos os vencedores do Building The Future Hackathon, uma competição organizada pela Microsoft, imatch, Galp e EIT InnoEnergy cujo objectivo era encontrar soluções inovadoras para o mercado das energias alternativas.

O primeiro lugar (3000 euros) foi atribuído ao projecto Solar PV Positioning Optimizer Module, da empresa norte-americana Apollo Analytics.

A ideia vencedora consiste num «módulo de hardware para criar relatórios orientados por dados durante a fase de pré-instalação solar»; os dados recolhidos permitem «optimizar o posicionamento e a orientação dos painéis solares».

Em segundo lugar ficou a ElectriciTree (1500 euros), outra solução dedicada a painéis solares, criada por uma equipa de estudantes portugueses. Aqui, o conceito é ter uma «estrutura em árvore com movimento adaptável para maximizar a exposição solar».

Finalmente, a fechar o pódio, temos a Waste Power (500 euros), uma solução criada igualmente portugueses; aqui, o objectivo é ter uma «plataforma de facilitação do contacto entre indústrias», para que os« resíduos de uma possam ser utilizados como matéria-prima de outra».