Motherboards AMD A320 passam a suportar processadores Ryzen 5000

A Asus e a Gigabyte descobriram uma maneira de permitir utilizar os processadores AMD Ryzen 5000 em motherboards antigas, com chipset A320.
AMD Ryzen

Até ao momento, as motherboards com chipsets de primeira geração AM4 (A320, B350 e X370) só são totalmente compatíveis com processadores Ryzen até à série 2000, e em alguns casos Ryzen 3000 (arquitectura Zen3), sendo obrigatório, segundo a AMD, de utilizar motherboards com chipsets da série 400 e 500 para se poder utilizar processadores Ryzen da série 5000.

Segundo alguns fabricantes, esta limitação deve-se à pequena capacidade de memória do chip da BIOS, que para adicionar suporte para novos processadores, obriga à remoção de processadores já existentes. Aparentemente a Asus e a Gigabyte decidiram enveredar por esse caminho, e ao removerem o suporte para processadores da série A de 7ª geração e Athlon X4 (Bristol Ridge), puderam assim adicionar os actuais AMD Ryzen 5000.