Rede europeia da Vodafone “pintada” de verde: operadora passa a usar electricidade 100% renovável

Inicialmente, o roadmap de transição da Vodafone para a energia verde tinha esta meta prevista para 2025.
©Anders Jacobsen
©Anders Jacobsen

A partir de hoje, 1 de Julho, a rede europeia da Vodafone passa a ser «100% alimentada com eletricidade originada por fontes renováveis», anunciou a operadora, incluindo «redes móveis e fixas, data centres, lojas e escritórios».

Inicialmente, o roadmap de transição da Vodafone para a energia verde tinha esta meta prevista para 2025, mas em julho de 2020 foi decidido que seria antecipado quatro anos, para Julho de 2021.

Esta transição completa para fontes de energia renováveis, como eólica e solar, faz parte de uma estratégia da Vodafone que tem como objectivo eliminar, até 2030, o «total de emissões directas de carbono decorrentes das suas próprias atividades e da eletricidade que adquire e utiliza».