Agência Nacional de Inovação anuncia “Google” da investigação científica e tecnológica em Portugal

Este motor de busca passa a ser a «morada de toda a informação que interessa a empresas, investigadores e entidades de I&D».
©ANI
©ANI

A partir desta semana fica disponível, em Portugal, um novo motor de busca que permite «pesquisar competências de investigadores, entidades que trabalham com tecnologias específicas», assim como «encontrar parceiros de negócio, procurar e oferecer tecnologia».

O Portal da Inovação passa a ser uma espécie de “Google” do Sistema Nacional de Inovação – segundo a Agência Nacional de Inovação (ANI), esta ferramenta pode ajudar as empresas que procuram uma «solução tecnológica para resolver uma necessidade do seu negócio» ou investigadores que querem «encontrar parceiros».

Este motor de busca passa a ser a «morada de toda a informação que interessa a empresas, investigadores e entidades de I&D», com a agregação de conteúdos que, até agora, «não eram acessíveis ou estavam dispersos por várias plataformas, de várias entidades e programas».

©ANI

Quarenta mil currículos disponíveis

Com esta iniciativa, a ANI quer «incentivar a inovação colaborativa em Portugal». Neste portal, cada utilizador/subscritor fica com uma área reservada para gerir as suas pesquisas e guardar informação; a ANI vai ainda permitir o registo a entidades que não estejam presentes.

O Portal da Inovação arranca com uma base de dados com quarenta mil currículos de investigadores, 1235 entidades, 5184 ofertas de serviços de tecnologia (para parceiros e oportunidades de negócio) e uma «montra» de cem projectos nacionais.