MobilidadeReviews

TP-Link Archer AX10

Com o novo Archer AX10 de cem euros, a TP-Link consegue democratizar a norma Wi-Fi 6. Mas, a que custo?

Classificação

Funcionalidades10
Experiência9
Preço9

Gostámos

  • Maior alcance
  • Gestão da transmissão dos dados

A rever

  • Poderia ter ligação adicional USB

Ponto final

9.3O novo Archer AX10 é bastante acessível e revelou ser um upgrade ideal para quem quer ter uma rede Wi-Fi de última geração de maior alcance que os routers dos operadores.

Visualmente, este router destaca-se, quer pelas imponentes quatro antenas de alto débito, como pelo design com o formato em X no topo, uma ode à norma 802.11ax, o nome técnico da Wi-Fi Se, no painel frontal, encontramos apenas os habituais LED de diagnóstico, atrás temos todas as ligações, o botão de alimentação, a ligação do transformador externo, o botão de reset e o de configuração automática da ligação Wi-Fi (WPS), uma porta Gigabit WAN e quatro portas Gigabit LAN. Infelizmente, a porta WAN não é compatível com uma velocidade superior, o que acabou por limitar a velocidade de acesso à Internet a 1 Gbps. Também gostaríamos de ter encontrado uma porta USB, que permitisse partilhar uma impressora em rede, ligar uma pen ou disco externo, para a criação de uma cloud privada, solução essa que só está disponível com o modelo Archer AX20.

No que toca à ligação Wi-Fi 6 disponível, esta é compatível velocidades até 1200 Mbps usando a banda 5G, ou 300 Mbps usando a tradicional banda de 2,4 GHz. Graças ao funcionamento optimizado da tecnologia Wi-Fi 6, quando utilizados dispositivos compatíveis com a norma, foi possível garantir velocidades mais rápidas com um alcance superior ao habitual, comparativamente aos tradicionais router Wi-Fi 802.11AC, como os fornecido pelos principais operadores.

Quando fomos para algumas divisões de distância de onde estavam ambos os routers colocados, registámos diferenças superiores a 300 Mbps usando a banda 5G em ambos os routers e conseguimos aceder à rede Wi-Fi com banda 2,4 GHz em zonas da casa que anteriormente não tinham cobertura Wi-Fi.

Mas não espere milagres, pois tudo depende da disposição da sua casa, bem como dos materiais de construção. Mesmo em dispositivos próximos do router (como consolas de jogos), notará melhorias significativas, graças às tecnologias OFDMA e MU-MIMO que, em conjunto com o processador de três núcleos de 1,5 GHz, permitem uma gestão mais optimizada do fluxo de dados, atribuindo prioridade a dados de aplicações mais exigentes, como streaming de vídeo, videoconferências e jogos online. A gestão e monitorização do estado da rede pode ser feita, de forma simplificada, a partir da aplicação móvel Tether.


Distribuidor: TP-Link

Site: tp-link.com/pt

Preço: €99,99


Ficha Técnica

Padrões de rede sem fio: 802.11b/g/n/ac/ax
Memória: 256 MB Flash, 1 GB RAM DDR3
Bandas Wi-Fi: 2,4 GHz, 5 GHz
Segurança Wi-Fi: WEP, WPA, WPA2, WPA-PSK, WPA2-PSK
Ligações: RJ45 Gigabit WAN, 4 x RJ45 Gigabit Lan
Dimensões: 260 x 135 x 38 mm
Peso: 1010 gr


Selo PCGuia Excelência

PCGuia