O que fazer em quarentena e os perigos do copyright e patentes nestas alturas

Pete Linforth - Pixabay

Olá a todos. Numa altura em que estamos em estado de emergência por causa do COVID-19, e quem pode é forçado a trabalhar a partir de casa, trago-vos alguns dos perigos do copyright e das patentes em situações desta natureza e também dicas digitais para este período.

O actual sistema de publicação de conteúdo científico está obsoleto, virado para o lucro e cheio de restrições de patentes e copyright, como demonstrou Jon Tennant, o autor do livro A Revolução da Ciência Aberta, no seu Twitter: expõe o caso chinês e demonstra a hipocrisia das revistas cientificas. Toda a investigação científica, principalmente a suportada pelos estados através das universidades, devia ser pública e de acesso indiscriminado por toda a comunidade científica, não só “temporariamente” como acontece por estes dias.

Já que temos de ficar em casa nesta fase, para diminuir a propagação do vírus, deixo-vos algumas sugestões gratuitas, de coisas que podem aproveitar para fazer. A começar deixo-vos o link que a ANSOL disponibilizou com uma lista de software educativo open source que todos podem usar: covid-19.ansol.org. Outra sugestão é visitarem o Internet Archive, onde encontram vários livros, documentários, audiobooks e uma biblioteca extensa dos vários jogos que corriam em DOS para relembrar velhos tempos, entre outras coisas.

#BeSimpleStaySafe