Huawei apresenta o projecto Track AI

A Huawei está a utilizar a Inteligência Artificial (IA) com o objectivo de melhorar a vida de 19 milhões de crianças em todo o mundo que sofrem de deficiência visual, de acordo com uma estimativa da Organização Mundial da Saúde (OMS). Nos casos em que existe uma intervenção atempada, 70 a 80% dos problemas podem ser evitados ou tratados.

O projecto Track AI, desenvolvido em colaboração com a DIVE Medical, pretende ser uma solução fácil de usar e portátil. Não substitui um diagnóstico médico profissional, mas trata-se de uma ferramenta útil para uma avaliação mais rápida.

A solução de software da DIVE monitoriza os olhos enquanto que o paciente observa estímulos criados para testar diferentes aspectos da função visual. Os dados recolhidos são então processados no smartphone Huawei P30, utilizando o algoritmo HiAI, com o objectivo de identificar potenciais indicadores de deficiências visuais.

Posteriormente, o técnico pode avaliar se uma criança sofre de deficiência visual e quais as medidas a tomar no sentido de corrigir a visão da mesma.

“O nosso objectivo é implementar esta tecnologia a nível global e, através da nossa abordagem multi-étnica, sermos capazes de responder a todos os tipos de deficiência visual”, afirma Victoria Pueyo, oftalmologista da DIVE Medical.