DescomplicómetroDicas

Sistemas de controlo por gestos

Se a ideia de controlar objectos ou funções através de gestos, sem precisar de tocar em nada, lhe soa a ficção científica, então, seja bem-vindo ao futuro!

Tudo aquilo que parecia ficção científica em filmes de Hollywood é realidade há já alguns anos e toda a gente ignorou o seu potencial. Sim, a Microsoft foi o primeiro grande fabricante a adoptar um sistema que permitia controlar a sua consola Xbox 360: o Kinect. Este equipamento tinha um excepcional sistema de reconhecimento de gestos que permitia jogar ou controlar a própria consola e aplicações, sem usar um comando. Mas a adopção do sistema ficou bastante aquém do esperado e o sistema, embora tenha regressado durante o lançamento da Xbox One, acabou por ser descontinuado.

O Microsoft Kinect utilizava um complexo sistema, muito parecido ao usado pelos sensores de reconhecimento facial dos smartphones actuais, composto por um feixe de luz infravermelha, posteriormente captado por uma câmara RGB que consegue determinar a profundidade, reconhecendo assim os gestos do utilizador.

Gestos no carro?

A BMW tem sido o fabricante pioneiro no desenvolvimento de um sistema de reconhecimento por gestos para controlar algumas das funções do seu sistema de infoentretenimento iDrive.

Tudo isto começou com o lançamento da actual geração do BMW Série 7, que acabou por ser replicado no novo Série 5. Este sistema utiliza uma câmara colocada no topo, que regista os movimentos da mão na zona da consola central, e permite controlar certas funções por gestos, como regular o volume do som, aceitar ou rejeitar uma chamada, mudar a estação de rádio e ajustar a visualização 360 quando estiver a estacionar.

Mas existem outras soluções, mais simples e, muito honestamente, mais práticas, como os sensores de proximidade colocados por debaixo do para-choques de alguns veículos para abrir a porta da bagageira. Aqui, temos ainda o sistema de aproximação de alguns sistemas de infoentretenimento de marcas do Grupo Volkswagen (VW, Seat e Skoda), que ajustam a interface do ecrã, aumentando a dimensão dos ícones, sempre que aproximamos a mão.

Também nos smartphones?

Durante o Mobile World Congress, em Barcelona, a LG revelou dois novos smartphones: o V50 com o seu sistema de duplo ecrã e o novo LG G8, que estreia um sistema de controlo de gestos inovador. Este, utiliza uma versão miniaturizada de uma câmara certificada para o sistema de realidade aumentada da Google, que terá como principal função o reconhecimento da palma da sua mão para desbloquear o dispositivo, sendo utilizado, para tal, o reconhecimento da nossa circulação sanguínea, algo que, segundo responsáveis da LG, é impossível de falsificar.

Este sistema também reconhece gestos através da tecnologia Air Motion, que permite desempenhar funções como regular o volume ou abrir uma das suas aplicações mais utilizadas. Embora, numa primeira impressão, a tecnologia da LG revele precisar de ser aperfeiçoado, será que tem futuro? Isso é uma pergunta à qual já não conseguimos responder.

PCGuia
Este site utiliza cookies. Ao continuar a utilizá-lo estará a aceitar a nossa política de privacidade e os nossos Termos de utilização. Mais informação acerca da forma como utilizamos cookies está disponível aqui.
×