PeriféricosReviews

Cisco Meraki Go

Os kits Wi-Fi Meraki Go da Cisco foram pensados para pequenos negócios como cafés, restaurantes ou pequenos escritórios. O objectivo é o de criar uma redes sem fios com tecnologia mesh, que oferece as mesmas funcionalidades e facilidade de instalação que se encontram em kits semelhantes para as redes domésticas. Isto permite que, mesmo em situações em que não existe qualquer estrutura de TI, a rede possa ser instalada, configurada e gerida facilmente.

Ao contrário das redes Wi-Fi, que utilizam um único ponto de acesso, estas redes com tecnologia mesh utilizam vários, que comunicam entre si, e que estão constantemente a analisar a quantidade e posição dos vários dispositivos ligados. Isto serve para optimizar a qualidade do sinal e a disponibilidade de largura de banda, com o intuito de permitir um acesso à Internet sem problemas.

Para fora e para dentro
Estes kits da Cisco estão disponíveis em versões de exterior/interior e permitem a criação de redes sem fios até ao protocolo 802.11ac. Tal como noutras ofertas deste tipo, existe apenas uma entrada para rede com fios gigabit que serve para ligar o ponto de acesso ao router que faz a ligação à Internet e coordena a rede local.

Como seria de esperar, o design exterior deste hardware é minimalista, tipicamente industrial, e está claramente pensado para ser instalado numa parede, ao contrário da maioria dos dispositivos domésticos deste tipo que são desenhados para serem instalados em móveis e ficar à vista, quase como mais uma peça decorativa.

Uma app para tudo
A configuração e gestão da rede Wi-Fi é feita através de uma aplicação gratuita para iOS e Android que permite fazer coisas como gerir a quantidade de largura de banda disponível (para toda a rede e para cada dispositivo), definir limites de navegação e bloquear o acesso a determinados endereços/serviços dentro e fora da rede local.

Tal como acontece em ofertas semelhantes, como a Google Wi-Fi, para configurar e utilizar o sistema é necessária a criação de uma conta, neste caso no serviço online da Meraki, que depois permite que a gestão e monitorização da rede possa ser feita em qualquer lugar, mesmo que o administrador de rede não esteja presente no local de instalação. No entanto, esta solução requer o pagamento de uma subscrição que “prende” o cliente.

Velocidade interessante
Testámos o kit Meraki Go, que que a Techdata (distribuidora em Portugal da Cisco) nos enviou para a redacção, com a nossa ligação à Internet de 1 Gbps da Vodafone. Como trabalhamos quase exclusivamente com serviços cloud, o ambiente é o de um pequeno escritório em open space com dez pessoas a aceder em simultâneo à Internet a carregar e descarregar ficheiros de pequenas dimensões e a fazer streaming de áudio e de vídeo. Nos nossos testes conseguimos velocidades médias próximas dos 200 Mbps, o que é bastante interessante.

Ponto final

A facilidade de instalação dos kits Meraki Go da Cisco tornam-os uma boa opção para oferecer Internet a clientes em pequenos espaços. A velocidade é boa e preço dos equipamentos também; o pagamento de uma assinatura é que já não.

+ Instalação
+ Desempenho
– Mensalidade

Funcionalidades: 2
Experiência de utilização:4
Preço/qualidade: 3
Nota final: 9

Selo Reviews

Distribuidor: Techdata
Site: techdata.pt
Preço: €141,45 (versão indoor), €215 (versão outdoor), €36,90 (subscrição anual), €95,94 (subscrição por três anos), €142,70 (subscrição por cinco anos)

Ficha Técnica
Frequências: 2,4 GHz 802.11b/g/n, 5 GHz 802.11a/n/ac
Capacidades de rede: 2 x 2 multiple input, multiple output (MIMO) com dois streams espaciais, suporte para SU-MIMO e MU-MIMO
Ligações: 1x 10/100/1000 BASE-T Ethernet (RJ45) Power over Ethernet: 37 – 57 V (802.3af compatible)
Dimensões: 202 x 123 x 26 mm

PCGuia
Pedro Tróia
Sou director da PCGuia há alguns anos e gosto de tecnologia em todas as suas formas. Estou neste mundo muito por culpa da minha curiosidade quase insaciável e por ser um fã de ficção científica.
Newsletter PCGuia
Subscreva a newsletter da PCGuia e fique a par das últimas notícias, dicas e truques de hardware e software.
Subscrever
close-link