Inteligência artificial invade Google I/O 2018

Começou ontem a edição 2018 do Google I/O, a conferência anual dos programadores das plataformas da Google e este ano a estrela é a inteligência artificial, que vai estar presente em quase todos os produtos da empresa.
GoogleIO

Na apresentação principal, feita, como de costume, por Sundar Pichai, o CEO da Google, foram apresentadas as principais novidades que a empresa irá disponibilizar durante os próximos meses, que estão focadas no aperfeiçoamento de produtos já disponíveis, como o Gmail e o Google Assistant, que vão ganhar mais funcionalidades e facilidade de utilização graças aos avanços que a empresa tem vindo a fazer no campo da inteligência artificial.

Gmail

A Google está a desenvolver uma nova funcionalidade para o Gmail, chamada Smart Compose, que utiliza inteligência artificial para sugerir frases completas à medida que escreve as mensagens. As sugestões vão aparecendo em cinza, se clicar em cima delas a frase sugerida é utilizada. Segundo a Google, o Smart Compose ajuda a poupar tempo porque elimina a escrita repetitiva e reduz os erros ortográficos e gramaticais. O sistema consegue mesmo ter alguma noção do contexto da mensagem, por exemplo se estiver a escrever uma mensagem de mail numa sexta-feira, o sistema sugere a frase “Tenha um bom fim-de-semana” para terminar o email.

Google Photos

O serviço de armazenagem de fotografias Google Photos foi o segundo produto abordado na apresentação da Google e também vai receber novas funcionalidades a médio prazo, que são possíveis através da inclusão de inteligência artificial, como por exemplo a possibilidade de sugerir correcções às fotografias que carrega para o sistema, como ajustes à luminosidade ou escurecer o fundo para fazer sobressair o objecto principal. A inteligência artificial da Google até será capaz de colorir fotos a preto e branco. E se tirar uma foto a um documento, o Google Photos até vai ser capaz de criar automaticamente um ficheiro PDF.

Google Assistant

Anunciado na edição de 2016 do Google I/O, o Google Assistant vai evoluir para que o utilizador consiga ter conversas mais naturais com o sistema. A evolução vai permitir ao utilizar iniciar interacções com o assistente sem a necessidade de dizer “Hey Google” para cada solicitação. Foram também adicionadas novas vozes, como a do cantor John Legend. Outras novidades do novo Google Assistant será a possibilidade de mostrar um resumo do dia com sugestões baseadas na localização, na hora do dia e nas interacções mais recentes. O Google Assistant também vai chegar à navegação no Google Maps para que o utilizador possa obter informações enquanto mantém as mãos no volante e os olhos na estrada.

Em breve, o Google Assistant poderá ser capaz de o ajudar com tarefas que ainda exigem um telefonema, tais como, marcar cabeleireiro ou saber o período de férias de uma determinada loja. Esta tecnologia chama-se Google Duplex e ainda está em fase de desenvolvimento.

Android P

A Google quer que a nova versão do Android seja uma revolução nesta plataforma com a inclusão de inúmeras funcionalidades que utilizam inteligência artificial, mudanças ao nível da navegação e algumas ferramentas para minimizar o vício de utilização excessiva de smartphones. O Android P foi anunciado em Março, mas ontem foram mostradas mais funcionalidades na Google I/O. A nova versão deve chegar aos telefones de todo o mundo no final deste ano.

New-System-Navigation_03

A inteligência artificial estará presente em muitos aspectos do novo sistema operativo, a começar pela gestão da bateria. O sistema aprende com o padrão de utilização do smartphone e consegue prever que aplicações serão usadas e quando. Isto permite desligá-las quando estão em segundo plano, o que reduz, segundo a Google, a utilização do processador do telefone em cerca de 30%, o que, por sua vez, poupa no consumo de energia. Outra função que levará a um menor consumo de energia será a capacidade de aprender a adaptar o brilho do ecrã a situações diferentes

As capacidades de inteligência artificial do novo Android também estarão à disposição dos programadores que vão poder desenvolver aplicações de reconhecimento de imagem, detecção de rostos e texto, detecção de monumentos e respostas inteligentes a mensagens. Tudo isto será possível através do kit de ferramentas de programação ML Kit.

Android P app-actions

O Android P irá suportar movimentos, como os que existem no iPhone X, que servirão para sugerir aplicações e alternar entre aplicações abertas. Ainda no campo da interface, vão aparecer as ‘App Actions’ que sugere atalhos para aplicações quer a partir do launcher do Android, quer a partir da barra de busca.

Android P Novos

Para combater o vício do smartphone, a funcionalidade ‘Dashboard’ contabiliza quanto tempo demora em cada aplicação e permite ao utilizador definir um tempo limite de utilização para cada app. Quando chegar a esse limite o ícone fica a cinza para convidar o utilizar a não a utilizar. Outra funcionalidade para evitar o uso excessivo é a ‘Shush’ que activa o modo ‘Não incomodar’ automaticamente cada vez que o telefono é colocado numa qualquer superfície como ecrã virado para baixo. Por fim, a funcionalidade ‘Wind down’ servirá para desencorajar a utilização do telefone antes de ir para a cama pondo a imagem a preto e branco.

Google Maps

O Google Maps será renovado com funcionalidades que utilizam ‘machine learning’ para fazer recomendações personalizadas. A aplicação irá receber um novo separador ‘For you’ que porá em evidência eventos e restaurantes locais através da análise das suas preferências e das actividades mais populares na zona em questão. O Google Assistant será também incluído no Google Maps. Por fim, foi mostrada uma funcionalidade experimental que através de realidade aumentada sobrepõe o Street View com direcções e informações sobre os negócios da zona em tempo real.

Google News

Google News

O serviço de recomendação de notícias Google News também levará um tratamento de inteligência artificial que ajudará o utilizar a descobrir as notícias que mais lhe interessam. A aplicação do serviço terá um separador ‘For you’ onde serão reunidas as notícias que mais interessam ao utilizador. Outro aspecto em que a inteligência artificial irá ser aplicada ao Google News é através da secção ‘Full Coverage’ que tenta dar ao utilizador uma vista geral sobre um determinado assunto através da relação entre pessoas, lugares e outros assuntos mencionados nos vários artigos publicados sobre um determinado assunto. Tudo isto é depois organizado em linhas de tempo, perguntas frequentes e tweets de várias fontes.

Google Lens

Google-Lens

Por fim, o Google Lens utiliza a inteligência artificial para ajudar o utilizador a ter mais informação acerca do mundo que o rodeia. Por exemplo pode mostrar imagens de coisas que vê escritas, como no caso dos menus de restaurantes. Se apontar o smartphone para o nome de um prato que não conhece o Google Lens mostra-lhe imagem desse prato. O Google Lens consegue não só reconhecer letras, como também contexto. Esta funcionalidade será incluída directamente nas câmaras de futuros de vários fabricantes como a LG, Motorola, Xiaomi, Sony Mobile, HMD/Nokia, Transsion, TCL, OnePlus, BQ, e Asus.

Categorias
NotíciasSoftware

Sou director da PCGuia há alguns anos e gosto de tecnologia em todas as suas formas. Estou neste mundo muito por culpa da minha curiosidade quase insaciável e por ser um fã de ficção científica.
Assinaturas
Newsletter PCGuia
Subscreva a newsletter da PCGuia para ficar a par das últimas notícias, dicas e análises de hardware e software.
Subscrever
close-link