Guia para instalar as suas colunas

Alguns conselhos para tirar o máximo partido do seu sistema de som, quer seja uma coluna sem fios, quer seja um sistema de cinema em casa.
coluna

Quer se trate de uma simples coluna sem fios ou de um sistema multicanal para cinema em casa, a forma como posiciona as suas colunas pode ter um grande impacto na forma como soam. Mostramos-lhe como obter o melhor áudio possível com estes passos simples.

De certeza que já foi a casa de alguém e ficou pasmado (e um pouco invejoso) com o aspecto do sistema de som. Para além das luzinhas e dos botões, grande parte desse efeito é causado pelo aspecto das colunas. Mas, mais importante que o aspecto, a forma como as colunas estão posicionadas no espaço pode ser a diferença entre um som espectacular, ou simplesmente normal.

Colunas Nautilus

Qualquer que seja o seu orçamento, existem algumas maneiras de tirar o máximo partido das suas colunas e fazê-las soar bem, mesmo que o seu sistema de som seja composto por uma única coluna Bluetooth ou por um par de colunas de pequeno ou médio porte.

Localização, localização, localização!

Quer tenha um par de colunas estéreo, um sistema 2.1 (duas colunas e um subwoofer) ou um sistema 5.1 (cinco colunas mais um subwoofer), o que tem de ter sempre em mente é o posicionamento dos canais direito e esquerdo.

Imagine um triângulo equilátero: a sua cabeça é um dos vértices desse triângulo, a coluna da esquerda é outro e a da direita é outro. Quer dizer que, para ter um posicionamento correcto dos altifalantes, a distância entre a sua cabeça e a coluna da esquerda deve ser igual à distância entre a sua cabeça e a coluna da direita. Isto faz com que a imagem estéreo seja precisa e dá às colunas distância suficiente entre os altifalantes e as suas orelhas para que as ondas de som se dispersem correctamente.

Triangulo-som

As colunas e a posição da cabeça devem estar nos vértices de um triângulo equilátero.

As colunas para sons graves, chamadas subwoofers, podem ser instaladas em vários sítios dependendo da sua construção e potência. Isto porque o nosso cérebro percepciona as frequências mais baixas, compostas por ondas sonoras mais longas, de uma forma menos direccional que as mais altas, compostas por ondas sonoras mais curtas. Isto faz com que consigamos detectar facilmente o ponto de origem dos sons mais agudos, mas temos dificuldade em detectar o dos sons mais graves, precisamente os reproduzidos pelos subwoofers. Por isso, a localização de um subwoofer numa sala tem mais a ver com quão alto consegue reproduzir o som e com o espaço que ocupa e menos com a direcção para qual reproduz o som. Tente colocá-lo em vários sítios para ver onde soa melhor. Mas não tão perto de si que acabe por afogar os outros sons.

Subwoofer

Subwoofer

Duas sugestões de posicionamento de um subwoofer.

No caso dos sistemas multicanal, a coluna central, onde são reproduzidos os diálogos nos filmes, deve estar instalada precisamente no centro entre as colunas da esquerda e direita. Já as duas colunas traseiras devem estar instaladas a uma distância igual da sua cabeça. Neste último caso tem de ter atenção à passagem de cabos e à colocação da mobília na divisão onde está a instalar o sistema de som.

Coluna central

A parte mais importante da instalação é o posicionamento das colunas da esquerda e direita, de forma a ficarem a uma distância igual do ponto de audição. Se as colunas estiverem bem posicionadas, mesmo que estejam duas pessoas sentadas uma ao lado da outra, o som soará sempre melhor que numa sala com um sistema de som mal instalado.

Outro factor que afecta muito o som é a própria sala. Se a sala tiver apenas superfícies que reflectem o som, este soará muito mais vivo que numa sala que tenha mais superfícies que o absorvem como alcatifas, cortinados pesados ou mobília forrada a tecido. Este é um factor importante quando escolher o local para instalar as colunas.

Está tudo no ângulo

Como já foi mencionado, os nossos ouvidos captam os sons mais agudos de uma forma mais direccional que os graves. Por isso quando vê uma coluna com o tweeter (o altifalante que reproduz os sons agudos) instalado por cima do woofer (o altifalante dos graves), o fabricante está a facilitar o trabalho de alinhar os tweeters com os seus ouvidos. Claro que a cadeira ou o sofá onde estiver sentado habitualmente a ouvir música ou a ver um filme desempenham um papel importante e influenciam necessariamente a escolha da altura dos suportes para as colunas ou de qualquer outro sítio onde vão ser instaladas.

Posição da coluna em relação aos ouvidos.

Instalar uma coluna de lado também pode ajudar a alinhar os tweeters com a posição dos seus ouvidos em certos casos. Pode desenhar uma linha paralela ao chão a partir do centro do tweeter até aos seus ouvidos. Por isso é que muitas barras de som, ou colunas portáteis têm os tweeters montados num determinado ângulo. Isto serve para ajudar os tweeters a projectar o som directamente para os seus ouvidos mais ou menos independentemente da altura da superfície onde a instalar.

E quando é só uma?

Quando está a instalar uma única coluna, as únicas coisas que tem de ter em atenção é o alinhamento dos tweeters com os ouvidos e o posicionamento. Tem de escolher uma superfície que não vibre muito com as frequências mais baixas (sons graves). Certifique-se também que não fique junto a uma superfície que reflicta muito o som, como uma parede ou uma porta para que o som não saia muito alterado. O som pode ser alterado por várias superfícies diferentes, por isso vai ter de experimentar um pouco.

Com as barras de som, que servem para simular a presença de várias colunas de forma a evitar passar cabos em instalações de som para TV e cinema em casa, aplicam-se as mesmas regras explicadas anteriormente.

Barra de som

Quanto maior for a coluna, maior terá de ser o espaço que tem de ter para uma parede. Isto é particularmente importante se a coluna tiver uma saída de ar na parte de trás para o escoamento do ar que os woofers movimentam quando estão a reproduzir sons graves mais alto. Neste caso, se a saída de ar estiver muito junto à parede, os sons graves vão ter tendência a sobrepor-se aos outros sons que saem da coluna, o que não é o pretendido.

house_of_marley

Uma coluna sem fios da House of Marley.

As colunas sem fios modernas podem, em muitos casos, ser emparelhadas com outra unidade do mesmo modelo e marca para criar um sistema estéreo. Se for o caso, tenha atenção a que coluna é a da esquerda e qual é a da direita para obter o melhor efeito estéreo possível. Todas as outras regras aplicam-se também neste caso.

No entanto, se estiver a receber pessoas em casa e tiver um sistema composto por duas colunas sem fios emparelhadas é preferível deixá-las trabalhar independentemente, porque o som vai soar melhor do que quando está sozinho ou com pouca gente na sua sala.

O que dizer das apps?

Muitas colunas portáteis têm aplicações gratuitas que podem ser descarregadas da loja do seu sistema operativo móvel favorito e que servem para fazer coisas como a configuração ou aplicação de efeitos especiais ao som, como por exemplo simular o efeito surround com uma única coluna ou melhorar a imagem sonora. Na grande maioria dos casos fuja de todos os efeitos surround, “spatial stereo” e outras coisas que tais. Estes efeitos só servem par introduzir efeitos artificiais no som e, em última análise, estragá-lo.

A única excepção é a nas barras de som. Neste caso os efeitos de surround funcionam e fazem com que estas colunas consigam mesmo simular a instalação de várias colunas na sala através de técnicas como o aproveitamento das reflexões de som para que o cérebro ache que existem mais colunas instaladas atrás. Ainda assim, tenha cuidado com a intensidade destes efeitos para que o som não fique sem profundidade.

Outra funcionalidade que as apps de controlo têm é o equalizador. Tal como em muitas coisas na vida, também os equalizadores têm de ser utilizados com alguma calma e contenção. Estas funcionalidades são boas para corrigir alguns problemas da reprodução do som, principalmente devido às reflexões nas superfícies da sala que podem ter a tendência de realçar algumas frequências. Pode usá-los para aumentar ou reduzir um pouco os agudos ou os graves individualmente de forma a equilibrar melhor a maneira como o som é formado até à saída dos altifalantes.

Se a sua coluna sem fios não tiver uma aplicação existem várias opções nas lojas de aplicações (normalmente pagas) que o podem ajudar. É o caso da app EQ 10 e da Equalizer +HD.

Categorias
DicasGuia completo

Sou director da PCGuia há alguns anos e gosto de tecnologia em todas as suas formas. Estou neste mundo muito por culpa da minha curiosidade quase insaciável e por ser um fã de ficção científica.
Assinaturas

ARTIGOS RELACIONADOS

Newsletter PCGuia
Subscreva a newsletter da PCGuia para ficar a par das últimas notícias, dicas e análises de hardware e software.
Subscrever
close-link