Razer Leviathan V2

A Razer melhorou as capacidades sonoras da coluna e incluiu RGB.

Quase sete anos depois, a Razer volta a apostar em colunas de som para gaming, com uma daquelas actualizações que se tornou crónica neste tipo de acessórios: o RGB. A Leviathan pode, agora, iluminar-se como os restantes 99% dos produtos desta marca, para assentar como uma luva em setups que, cada vez mais, brilham como um arco-íris.

Mas, em relação ao modelo anterior, não é só o aspecto que muda: como seria de esperar, a Razer também melhorou as capacidades sonoras da Leviathan, sobretudo com a inclusão da tecnologia THX Spatial Audio; à lista juntam-se ainda a dois altifalantes passivos (43 x 135 mm), sem carga eléctrica, que apenas se deslocam tendo em conta a pressão do ar. Temos ainda um down-firing subwoofer (que também já havia no modelo anterior), um woofer passivo orientado para baixo, para aproveitar a superfície do local de forma a propagar as baixas frequências, o que se nota num caso: a intensificação dos graves.

Na conectividade, além do USB, junta-se o Bluetooth 5.2, o que lhe dá uma flexibilidade-extra, principalmente quando queremos usar o nosso smartphone ou tablet para ouvir música, no intervalo dos jogos. Como é óbvio, um sistema destes não será propriamente para usar em jogos online, onde os auscultadores permitem ouvir tudo com mais atenção; contudo, numa sessão de FIFA ou Witcher, a Leviathan V2 pode dar aquele nível de imersividade que se justifica em jogos em que a nossa vida não está dependente de ouvir os passos de um inimigo ou de identificar o local de onde veio um tiro.

Nota: 4/5
razer.com | 249,99 euros