Processadores Intel da 6ª à 10ª geração deixam de receber novos drivers para o GPU integrado

A Intel anunciou esta semana que vai descontinuar o suporte para os processadores gráficos integrados em vários processadores.
Intel Alder Lake

Esta semana, a Intel anunciou que apenas os processadores da 11ª geração e seguinte vão continuar a receber actualizações de software. A empresa também anunciou que os processadores da 6ª à 10ª geração vão passar a receber apenas actualizações críticas e de segurança mas com menos frequência que os modelos mais recentes.

Na prática, a Intel dividiu os drivers em dois grupos. Os com suporte reduzido a partir dos modelos Skylake até aos Ice Lake, incluindo os Elkhart, Lakefield e Jasper Lake. Os modelos com suporte activo são os Rocket Lake, Alder Lake e os Raptor Lake, que serão lançados em Outubro. Isto quer dizer que os processadores gráficos dos modelos com suporte reduzido vão deixar de receber actualizações dos drivers para os GPU integrados. 

Os GPU integrados nos modelos mais recentes vão continuar a receber novos drivers com optimizações para jogos à medida que novos títulos vão sendo lançados, os outros vão ter esperar por actualizações trimestrais.

Embora seja justificável colocar processadores como os Skylake, lançados há sete anos, num ciclo de desenvolvimento menos urgente, a decisão de fazer o mesmo com os processadores de 10ª geração, lançados há dois anos, já não é tão defensável.

O mais recente inquérito de hardware da loja Steam, publicado em Junho deste ano, indica que os GPU integrados nos processadores Intel, são usados por apenas sete por cento dos utilizadores que compram jogos nesta loja online. No entanto, muitos dos jogos mais populares não estão à venda na loja Steam e podem ser executados confortavelmente em máquinas com GPU integrados da Intel.