Konami pede desculpas pelo desastre de eFootball 2022

Lançado com o objectivo de transformar um dos mais populares simuladores de futebol de sempre, o lançamento de eFootball 2022 acabaria por se revelar como um desastre, devido à baixa qualidade gráfica e à limitada quantidade de conteúdos disponibilizados. Baseado no formato free-to-play, eFootball prometia ser a solução perfeita para poder jogar com os seus jogadores preferidos das diversas ligas, como aquelas que estão disponíveis para apostar no CyberBet, mas acabou por se tornar num exemplo do que não se deve fazer.

A Konami reconheceu em público o fracasso, e prometeu estar completamente comprometida com o lançamento da futura actualização (v1.0.0) que deverá introduzir melhorias significativas, tendo lançado entretanto algumas actualizações que conseguiram resolver alguns dos problemas mais chocantes, em termos de gráficos e jogabilidade.

Deverão ser lançadas novas competições, como o MyClub e a Master League junto com essa grande actualização, mas esta tem sido constantemente adiada, estando agora prevista para a Primavera de 2022. Relativamente a PES 2021, que foi lançado enquanto mera actualização da época 2020/2021 de PES 2020, os responsáveis da Konami vieram afirmar que a actualização para a época 2021/2022 não foi possível devido a vários problemas técnicos detectados.

Relativamente a PES Mobile, este ainda não recebeu uma actualização para a temporada actual, estando previsto o seu lançamento (versão 5.6.0) para a mesma altura em que sair a actualização v1.0.0 para eFootball 2022. Em contrapartida, a Konami decidiu compensar todos os jogadores que tenham terminado o tutorial até hoje, 2 de Dezembro, com 400 mil GP (Game Points).