Máquina virtual Android do Windows 11 testada com o Geekbench

O Android não vai chegar ao Windows 11 logo na data de lançamento, mas a Microsoft já o anda a testar.
Android-Windows11

A Microsoft ainda não disse nada acerca de quando é que a funcionalidade que permitirá usar aplicações Android no Windows 11 vai estar disponível. Apesar disso, parece que a Microsoft anda a testá-la. Um utilizador publicou no Twitter supostos resultados de testes de velocidade, obtidos através da aplicação de medição de velocidade Geekbench, que parecem mostrar que o Windows Subsystem for Android é capaz de apresentar resultados de desempenho encorajadores.

Claro que a informação vinda agora a público deve ser tratada com alguma desconfiança (visto que estes resultados podem ser falsificados facilmente), mas pode assumir-se que foram obtidos por um sistema operativo Android a ser executado no Windows 11. Não há certeza acerca de que dispositivo Windows foi usado pela Microsoft nos testes, mas, de qualquer forma, os resultados são encorajadores, principalmente quando se sabe que o Windows Subsystem for Android é na prática uma máquina virtual. E as máquinas virtuais não são conhecidas pelo seu desempenho.

 

As

Segundo a publicação, o Windows Subsystem for Android conseguiu um resultado de 827 nos testes de desempenho usando um único núcleo de processamento e 3070 nos testes em que são usados vários núcleos. O sistema operativo usado nos testes foi o Windows 11 e o processador usado foi detectado como sendo um ARMv8 da Qualcomm, com 8 núcleos e 6 GB de memória RAM. Se compararmos os resultados com os obtidos com um Surface Duo, que tem um processador Qualcomm 855, foi conseguido um resultado de 760 no teste com um núcleo e 2847 no teste com vários núcleos. Não foram publicados nenhuns resultados obtidos numa máquina x86.

Segundo a informação oficial da Microsoft, a funcionalidade que permite usar apps Android no Windows 11 é um projecto conjunto com a Amazon e a Intel e ainda não tem data de disponibilização. No entanto, o facto de já estar a ser testada, pode indiciar que o lançamento pode acontecer pouco tempo depois do Windows 11, que está marcado para o início de Outubro.