Arc é a nova marca da Intel para placas gráficas

Com o hardware Arc, a Intel quer concorrer com a Nvidia e AMD.

A Intel acaba de apresentar a Arc, uma nova marca para a sua gama de placas gráficas para o mercado de consumo. A nova designação irá ser aplicada ao hardware e ao software que fará parte da futura gama de placas gráficas e ao hardware de várias gerações. A primeira geração, que se chamava DG2 deve chegar no início de 2022 com o nome de código “Alchemist”.

Os processadores gráficos Arc Alchimist da Intel, vão estar disponíveis para computadores desktop e portáteis no princípio de 2022 e querem concorrer os da Nvidia e a AMD, as principais marcas estabelecidas neste mercado. Embora não se saiba muito acerca do desempenho dos primeiros GPU Alchemist, a Intel publicou um vídeo no Twitter, que mostra jogos como PUBG, Psychonauts 2, Metro Exodus a serem executados num protótipo da nova gráfica.

 

Os processadores gráficos Arc da Intel incluem mesh shading, variable rate shading, upscaling de vídeo e ray tracing em tempo real. A Intel também promete super sampling acelerado por inteligência artificial, que parece ser semelhante ao Deep Learning Super Sampling (DLSS) da Nividia. A AMD lançou uma funcionalidade concorrente em Junho, chamada FidelityFX Super Resolution (FSR), mas utiliza apenas uma técnica de upscaling espacial em vez de um sistema baseado em inteligência artificial. O objectivo destas tecnologias é fazer o upscaling (ou melhoramento) da imagem dos jogos a partir de resoluções mais baixas para permitir taxas de actualização do ecrã mais altas, sem perdas de qualidade.