Dos criadores de conteúdos aos jogadores: Acer apresenta as novidades para 2021

Costuma realizar-se em Nova Iorque, mas, tal como aconteceu no ano passado, o evento [email protected], onde são mostradas a novidades do ano realizou-se através de streaming. E tal, como em outras edições, praticamente todas as gamas de produtos foram renovadas.
Swift-X
Imagem - Acer

Em mais uma edição virtual da conferência [email protected], a marca de Taiwan mostrou o lineup de produtos para o ano de 2021. Aqui ficam as novidades mais importantes que foram apresentadas hoje,

Swift X

Os novos Swift X vão receber os novos processadores Ryzen 5000 da AMD, um processador gráfico Nvidia GeForce RTX 3050Ti e 16 GB de RAM. O ecrã do é de 14 polegadas e oferece uma resolução Full HD (1920 X 1080), o sistema de armazenamento pode chegar aos 2 TB de capacidade em SSD. Outras características do Swift X incluem Wi-fi 6 e entradas USB Type-C. No que toca à segurança, o utilizador pode usar o leitor de impressões digitais para autenticação no Windows 10.

Swift-X-SFX14-41G_03-1880x1296

Este novo computador chega este verão com um preço a partir dos €899.

ConceptD

Também foram anunciadas actualizações de cada uma das suas linhas ConceptD de notebooks para criadores. Todas incluem agora os novos processadores Intel Core H-series de 11.ª geração e um conjunto de opções gráficas, como os GPUs NVIDIA GeForce RTX 30 Series para portáteis e os mais recentes GPUs profissionais Nvidia RTX para portáteis que utilizam a arquitectura Ampere.

ConceptD 5 e ConceptD 5 Pro

Concebidos para design 2D e 3D, os notebooks ConceptD 5  têm processadores Intel Core H-series de 11.ª geração e um GPU Nvidia GeForce RTX 3060 para portáteis. Este computador também está disponível, equipado com o GPU para portáteis Nvidia RTX A5000 ou Nvidia RTX A3000, para trabalhos com ray tracing e edição de conteúdos até 8K.

ConceptD-5-Pro-CN516-72P_01-1880x1296

A memória RAM pode ir até aos 64 GB de DDR4-3200 e o armazenamento máximo chega aos 2 TB de SSDs M.2 PCIe Gen 4 configurado em RAID 0.

Estes computadores portáteis incluem várias opções de conectividade: duas portas USB Type-C com suporte para Thunderbolt 4, HDMI 2.1, um leitor de cartões SD (SD7.0) e mais.

ConceptD 7 Ezel

O ConceptD 7 Ezel é um notebook convertível e foi actualizado para incluir o novo processador Intel Core i7-11800H de 11.ª geração e um GPU Nvidia GeForce RTX 3080 para portáteis. O ConceptD 7 Ezel Pro também está disponível, equipado com um processador até ao Intel Xeon W-11955M e GPUs para portáteis Nvidia RTX A5000 ou A3000.

Tal como os D5, o armazenamento pode chegar aos 2 TB de capacidade com drives SSD PCIe, mas a quantidade máxima de memória RAM é de 32 GB de DDR4. No que respeita a ligações, este computador inclui duas entradas Thunderbolt 4 que oferecem 40 Gbps de largura de banda bidireccional

ConceptD 3 Ezel Convertível e ConceptD 3

Por fim a Acer actualizou também a sua linha ConceptD 3, que inclui um design convertível e tradicional com ecrã de 14 polegadas. Estão ainda disponíveis o ConceptD 3 Pro e o ConceptD 3 Ezel Pro, ambos equipados com um processador até ao Intel Core i7 capaz de alcançar os 4,6 GHz e um GPU Nvidia T1200 para portáteis.

Todos os formatos e tamanhos do ConceptD 3 foram actualizados para incluir um processador Intel Core H-series de 11.ª geração. Os modelos comerciais e de consumo irão contemplar várias opções gráficas para se adaptarem a uma variedade de cargas de trabalho e especificidades, incluindo o novo GPU Nvidia GeForce RTX 3050 Ti. Todos eles têm um sistema de armazenamentgo baseado em SSD PCIe Gen 4 e uma porta Thunderbolt 4 com Power Delivery.

O ConceptD 5 estará disponível em Julho, com preços a partir de 2199 euros.

O ConceptD 7 Ezel estará disponível em Outubro, com preços a partir de 2699 euros.

O ConceptD 3 estará disponível na EMEA em Setembro, com preços a partir de 1299 euros.

O ConceptD 3 Ezel estará disponível na EMEA em Setembro, com preços a partir de 1499 euros.

SpatialLabs

A Acer também anunciou o SpatialLabs, um conjunto de experiências potenciadas por soluções ópticas e tecnologias de visualização e sensoriais que trazem o mundo virtual a uma dimensão mais física, proporcionando experiências 3D estereoscópicas de uma forma nova. Segundo a Acer, o conteúdo flutua literalmente em frente do ecrã, permitindo aos criadores examinar as suas criações em tempo real e 360 graus — sem a necessidade de óculos especializados.

A Acer anunciou também o SpatialLabs Developer Program para programadores Unreal Engine interessados em apresentar projectos com a tecnologia SpatialLabs. Os inscritos no programa receberão um notebook protótipo ConceptD SpatialLabs, a primeira concretização da nova experiência.

SpatialLabs_01-1880x1296

A experiência SpatialLabs é criada através da combinação de uma solução de rastreamento ocular, um ecrã estereoscópico 3D e tecnologias de renderização em tempo real. A solução de rastreamento ocular consiste num conjunto de câmaras estereoscópicas, localizadas no topo do dispositivo, que seguem a posição e o movimento da cabeça e dos olhos do utilizador. O ecrã do protótipo notebook ConceptD SpatialLabs a ser fornecido aos participantes do programa consiste num painel UHD 2D com uma lente de cristal líquido colada no topo, formando um módulo que pode ser alternado entre visualizações 2D e 3D estereoscópicas.

Em combinação, isto permite que a tecnologia de processamento gráfico exiba uma imagem diferente para cada um dos olhos, criando um efeito 3D estereoscópico que permite que o conteúdo pareça flutuar em frente ao ecrã. As tecnologias de renderização em tempo real permitem aos criadores interagir com modelos 3D quando utilizam aplicações no Centro de Experiência SpatialLabs, rever as suas criações em tempo real.

Este conjunto de tecnologias é revolucionário para os criadores que trabalham com conteúdo 3D. Os desenhadores trabalham normalmente em ecrãs 2D que fornecem apenas informação limitada sobre a profundidade de um objeto ou cena 3D. O SpatialLabs oferece aos criadores a capacidade de verem os seus projetos ganhar vida em tempo real.

Centro de Experiência SpatialLabs

O ecrã do protótipo de notebook ConceptD SpatialLabs está predefinido para o modo 2D, permitindo que o dispositivo seja utilizado como um computador portátil normal. Ao lançar aplicações no Centro de Experiência SpatialLabs, o modo 3D estereoscópico será automaticamente ligado.

O SpatialLabs Experience Center é um “launcher” que inclui um tutorial sobre a utilização da tecnologia, vários atalhos para aplicações e instaladores para aplicações e add-ons. Actualmente, estas aplicações incluem:

  • SpatialLabs Model Viewer: Uma ferramenta que permite ao utilizador importar ficheiros em todos os principais formatos 3D e apresentá-los em 3D estereoscópico. No visualizador de modelos, a informação gerada sobre a posição da cabeça é incorporada no modelo 3D apresentado. Por exemplo, movendo-se ligeiramente para a esquerda ou para a direita, o modelo 3D irá rodar na direcção oposta, como se um utilizador tivesse dado um passo para cada lado do objecto. Tudo isto acontece em tempo real.
    Os add-ons do SpatialLabs Model Viewer estão disponíveis para as principais aplicações 3D, tais como Blender e Autodesk Fusion 360, que permitem que ficheiros criados nessas aplicações sejam transferidos para o Model Viewer do SpatialLabs com um único clique.
  • SpatialLabs Go: Uma solução proprietária para renderizar conteúdos lado-a-lado em 3D estereoscópico. Por exemplo, após usar o Blender para colocar uma janela na visualização de ecrã completo lado-a-lado, os designers podem utilizar o SpatialLabs Go para a transferir para 3D estereoscópico.
  • PiStage for Maya: O middleware PiStage funciona como uma ferramenta que permite evitar o demorado pipeline de renderização, dando aos utilizadores a flexibilidade de criar ou editar conteúdos num monitor 2D e visualizar quaisquer alterações feitas em 3D estereoscópico em tempo real, com SpatialLabs.
  • SpatialLabs Player: Um leitor para apresentar vídeo em 3D estereoscópico lado a lado.

Os candidatos interessados podem candidatar-se aqui. As candidaturas encerram a 30 de Junho de 2021, data após a qual os candidatos aprovados serão contactados.

Novos monitores para jogos

A Acer anunciou hoje a expansão da sua linha de monitores de gaming Predator com três novos modelos: Predator CG437K S, Predator X38 S e Predator X28. Os novos monitores são direcionados a diferentes nichos tanto para os jogadores casuais como os profissionais.

Predator CG437K S

O Predator CG437K S é um monitor de gaming compatível com a tecnologia Nvidia G-SYNC de 42,5 polegadas com um ecrã UHD (3840×2160) que integra um par de portas HDMI 2.1 que suportam as mais recentes consolas de jogos e permitem 4K 144 Hz com VRR usando um único cabo. O hub USB oferece uma porta USB-B, um par de portas tanto USB 2.0 como USB 3.0 para suportar múltiplos periféricos, para além de uma porta USB Type-C (PD30W). Adicionalmente, o switch KVM integrado simplifica as vidas daqueles que usam vários PCs. 

PREDATOR-CG437K-S_02-1880x1296

O Predator CG437K S inclui ainda faixas de iluminação RGB que podem ser sincronizadas com música e multimédia. Apresenta também uma variedade de tecnologias que permitem adaptar o monitor ao ambiente de cada utilizador: o Acer ColorSense ajusta a temperatura do ecrã de acordo com a ambiência da divisão, o Acer LightSense detecta a luz ambiente e ajusta o brilho do monitor de acordo com ela, e o Acer ProxiSense acorda automaticamente o monitor quando os utilizadores estão próximos ou escurece-o quando não estão.

Predator X38 S

O Predator X38 S é um monitor UWQHD+ (3840×1600) com uma curvatura de 2300R que apresenta uma cobertura de 98% da gama de cores DCI-P3, precisão de cor Delta E<2 e certificação VESA DisplayHDR 600. Este monitor tem uma taxa de atualização de 175 Hz (overclocked) e um tempo de resposta de 0,3 ms G-to-G.

Predator_Monitor_X-series_X38P_wp-02-1880x1296

O Predator Game Mode oferece aos jogadores oito modos de apresentação predefinidos (personalizáveis) para diferentes tipos de conteúdo, o Acer LightSense e o Acer ColorSense fazem ajustes automáticos ao brilho do ecrã e temperatura de cor com base no ambiente. O modo Nvidia G-SYNC Esports é uma predefinição concebida para gaming competitivo que garante a latência mais baixa possível desligando a retroiluminação variável e torna mais fácil distinguir objetos em áreas escuras aumentando os níveis de preto e ajustando a gama.

O Predator X38 S inclui também o Nvidia Reflex Latency Analyzer, um sistema de medição de latência que deteta cliques do rato e depois mede o tempo que demora aos pixéis resultantes (por exemplo, o clarão de um disparo) a aparecer no ecrã, enquanto o Nvidia G-SYNC Ultimate minimiza as pausas na ação e reduz a latência de input.

Predator X28

O Predator X28 é um monitor UHD (3840×2160) de 28 polegadas com um perfil fino e molduras estreitas. O seu ecrã IPS com certificação VESA DisplayHDR400 Agile-Splendor oferece uma taxa de atualização de 155 Hz (overclocked) com um tempo de resposta de 1 ms G-to-G. Oferece também a funcionalidade Nvidia G-SYNC, o modo de imagem G-SYNC Esports e o Nvidia Reflex Latency Analyzer.

Preços e Disponibilidade

O Predator CG437K S estará disponível Novembro, com preços a partir de 1599 euros.

O Predator X38 S estará disponível em Setembro, com preços a partir de 2199 euros.

O Predator X28 estará disponível em Agosto, com preços a partir de 1199 euros.

Portáteis para jogos

A Acer apresentou hoje as versões actualizadas dos portáteis Predator Triton 500 SE e Predator Helios 500 com processadores Intel Core i9 de 11.ª geração e GPU Nvidia GeForce RTX da série 30.

Predator Triton 500 SE

O Predator Triton 500 SE é um notebook alimentado por um processador Intel Core i9 de 11.ª geração, GPU para portáteis Nvidia GeForce RTX 3080 e até 64 GB de memória DDR4 a 3200 MHz, o portátil tem 19,9 mm de espessura, até 12 horas de autonomia da bateria e tecnologia NVIDIA Advanced Optimus.

PREDATOR-TRITON-500-SE-PT516-51s_02-1880x1296

O ecrã do Predator Triton 500 SE de 16 polegadas 16:10 com uma relação ecrã/corpo de 87% e três opções de painel, incluindo um ecrã LCD WQXGA de 165 Hz; painel WQXGA Mini LED de 165 Hz com 1250 peak nits e 100% de cobertura da gama de cores sRGB, ou um painel WQXGA IPS2 PolarBlack de 240 Hz com um tempo de resposta de 3 ms; e 100% de cobertura da gama de cores DCI-P3.

Um controlador Ethernet Intel Killer E3100G, Intel Killer Wi-Fi 6 AX1650i, e Control Center 2.0 fornecem ligações de rede com baixa latência. Estes computadores incluem o PredatorSense que permite aos jogadores monitorizar o seu sistema, fazer overclock ao GPU e ajustar a velocidade da ventoinha com diferentes modos, tais como silencioso, extremo ou turbo. No que respeita a entradas, esta máquina incluem portas USB 3.2 Gen 2, duas portas Thunderbolt 4 Type-C que suportam DisplayPort e um leitor de cartões SD 7.0.

 Predator Helios 500

O Predator Helios 500 inclui um processador até Intel Core i9 de 11 ª geração, GPU para portáteis Nvidia GeForce RTX 3080 e 64 GB de memória DDR4 3200 MHz. O sistema de armazenamento é composto por par de SSDs PCIe NVMe em RAID 0 e um HDD SATA. Dependendo das suas preferências, os utilizadores podem equipar o Helios 500 de 17,3 polegadas com um ecrã 4K Mini LED 120 Hz alimentado pela tecnologia AUO AmLED, que suporta um escurecimento local completo e é comparável ao ecrã VESA HDR 1000, ou o ecrã FHD 360 Hz da AUO, com um tempo de resposta de 3 ms.

PREDATOR-HELIOS-500-PH517-52_04-1880x1296

O Helios 500 inclui portas HDMI 2.1, uma mini-DP 1.4, duas USB Type-C Thunderbolt 4, três portas USB 3.2 Gen2 que suportam carregamento offline, e uma porta RJ45.

Preços e Disponibilidade

O Predator Triton 500 SE estará disponível em Julho com preços a partir de 1999 €.

O Predator Helios 500 estará disponível em Junho com preços a partir de 2499 €.