Oppo revela família Find X3

Oppo revela os novos Find X3 Lite 5G, Find X3 Neo 5G e Find X3 Pro 5G. Conheça tudo sobre estes modelos, bem como as primeiras impressões do modelo de topo.

A Oppo pode só ter entrado no mercado nacional em 2020, mas essa entrada, bem como outras em diversos mercados a nível global, permitiram à marca de Shenzhen terminar o ano na quarta posição enquanto maior fabricante de smartphones do mundo (tanto em unidades como em quota de mercado). Para 2021, a Oppo deverá, no mínimo, consolidar essa posição, mas para tal terá que contar com a ajuda de lançamentos importantes.

Counterpoint Research

Um dos lançamentos mais aguardados é o da chegada da nova geração da família Find X, que celebra este ano o seu 10º aniversário. Esta década de lançamentos foi marcada por inovações, desde o teclado QWERTY integrado no Find X903 de 2011, passando pela tecnologia de carregamento rápido Oppo VOOC no Find 7 de 2014, pelo mecanismo das câmaras traseiras do primeiro Find X de 2018, ou a grande experiência multimédia do ecrã QHD+ de 120Hz do Oppo Find X2 Pro.

Infelizmente este modelo nunca chegou a ser comercializado em Portugal, embora tenhamos tido a oportunidade de o testar, e comprovar as suas qualidades, mas em 2021 a Oppo tem uma agradável surpresa para todos nós, já que toda a gama Find X3 (Find X3 Pro 5G, Find X3 Neo 5G e Find X3 Lite 5G) será comercializada em Portugal, já a partir do dia 25 de Março. Mas, o que podemos esperar destes novos equipamentos?

Oppo Find X3 Pro 5G

O modelo de topo destaca-se pelo design elegante, fluído e futurístico, em que o corpo parece envolver-se com o módulo das câmaras traseiras, permitindo assim atingir um formato mais estreito e leve (menos de 200g) do que outros modelos do mesmo segmento.

Porém, é na vertente dos audiovisuais que o novo Find X3 Pro 5G se destaca, com o excelente ecrã de 6.7 polegadas OLED do tipo LTPO, o que lhe garante uma qualidade de imagem superior, e um menor consumo energético.

Este ecrã tem características de peso, como a elevada resolução QHD+ com 3216 por 1440 pixéis (525 ppi de densidade), 1300 nits de brilho máximo, 120 Hz de taxa de actualização (à resolução máxima), certificação HDR10+ e a capacidade de reprodução de mil milhões de cores.

Como se não bastasse, este ecrã encontra-se acompanhado de dois altifalantes estéreo, localizados nas extremidades do ecrã, tendo estes certificação Dolby Atmos, o que contribuiu para a garantia de um som mais envolvente, na reprodução de conteúdos audiovisuais. E já que falamos em audiovisuais, está na altura de falarmos nas câmaras, como o sensor frontal de 32 MP com abertura f/2.4, e um módulo de quatro câmaras atrás.

Estas são, no fundo, outra das grandes armas deste Find X3 Pro 5G, ao utilizarem os novos sensores Sony IMX 766 de 50 MP cada, que se destacam por serem ambos capazes de captar mil milhões de cores. O sensor principal, de formato grande angular, tem estabilização óptica e uma abertura f/1.8, estando o sensor de ultra grande angular uma abertura f/2.2.

Por se tratar do mesmo sensor, a Oppo garante assim que a qualidade de imagem e a consistência na captação das cores é constante, caso opte por fotografar ou filmar com um ou ambos os sensores. Este último sensor tem inclusive a particularidade de, mesmo com um campo de visão de 110º, de conseguir eliminar a distorção da imagem captada, evitando deformar os objectos fotografados. Ou pessoas. Existe ainda um sensor de 13 MP telefoto f/2.4 capaz de realizar um zoom óptico de 5x, ou digital até 20x, e um quarto sensor de 3MP f/3.0m para fotografias macro e (quase) microscópicas.

No coração do novo Find X3 Pro 5G encontra-se o poderoso SoC (System-on-Chip) Qualcomm Snapdragon 888 de oito núcleos, com o núcleo principal a trabalhar a 2.84 GHz, uma controladora gráfica integrada Adreno 660, modem Snapdragon X60 5G integrado, 12 GB de memória RAM do tipo LPDDR5 e 256GB de armazenamento, do tipo UFS3.1.

Por fim, falta falar na bateria, que além de ter 4500 mAh de capacidade, destaca-se por suportar a tecnologia Oppo SuperVOOC 2.0 de 65w (carregador incluído), que permite carregar 40% da carga em apenas 10 minutos. Existe ainda um sistema de carregamento rápido sem fios (Oppo AirVOOC) de 30w, e carregamento sem fios reversível de 10w, para usar o Find X3 Pro 5G para carregar outros dispositivos. O Oppo Find X3 Pro 5G estará disponível nas variantes de Azul e Preto brilhante, por €1199.

Oppo Find X3 Neo 5G

Já com o Find X3 Neo 5G, a Oppo pretende assim garantir, num smartphone elegante e atraente, o desempenho e as funcionalidades de um verdadeiro topo de gama, mas a um preço mais acessível. O corpo tem um acabamento em vidro mate texturado, similar ao que encontramos no Oppo Reno4 Pro, estando este disponível com acabamento Prata Galáctico e Preto Estrelado.

À frente encontra-se presente um ecrã AMOLED de 6.5 polegadas FHD+, com resolução 2400 por 1080 pixéis (402 ppi de densidade), 90 Hz de taxa de actualização e certificação HDR10+. Este ecrã, tal como no Find X3 Pro 5G, está igualmente rodeado de dois altifalantes estéreo com certificação Dolby Atmos, e uma câmara frontal embutida de 32 MP f/2.4.

Atrás encontrará um módulo com quatro câmaras traseiras, no qual se incluí o sensor Sony IMX 766 de 50 MP enquanto sensor principal (grande angular), sensor de 16 MP ultra grande angular, sensor de 13 MP para o sensor telefoto (zoom híbrido de 5x ou 20x digital), e sensor macro de 2 MP.

No interior deste Find X3 Neo 5G encontra-se um SoC Qualcomm Snapdragon 865 de oito núcleos com modem 5G Snapdragon X50 integrado, 12 GB de memória RAM do tipo LPDDR4, 256 GB de armazenamento do tipo UFS3.0, e uma bateria de 4500 mAh de capacidade, sendo esta igualmente compatível com a tecnologia de carregamento rápido SuperVOOC 2.0 de 65w. Este smartphone estará disponível a €819.

Oppo Find X3 Lite 5G

O modelo mais acessível da nova família Find X3 é o modelo Find X3 Lite 5G, que se destaca pelo acabamento em vidro mate texturado em Azul Astral ou Preto Estrelado, sendo este mais leve e estreito que o seu antecessor, embora esteja mais bem equipado.

À frente destaca-se o novo ecrã OLED de 6.4 polegadas de resolução FHD+ com 2400 por 1080 pixeis (410 ppi de densidade) e 90 Hz de taxa de actualização. Desta vez o áudio estará a cargo de um só altifalante, mas a Oppo garante uma boa experiência auditiva, tendo conseguido uma certificação Dolby Atmos, fruto da envolvência da solução utilizada.

A nível de câmaras, este Find X3 Lite 5G encontra-se equipado com uma câmara frontal de 32 MP, e um módulo traseiro composto por um sensor principal de 64 MP f/1.7, um sensor ultra grande angular de 8 MP f/2.2, um sensor monocromático de 2 MP f/2.4 e um sensor macro de 2 MP f/2.4.

Internamente encontra-se presente o popular SoC Qualcomm Snapdragon 765G, com modem 5G integrado, 8 GB de memória RAM do tipo LPDDR4, 128 GB de armazenamento do tipo UFS2.1, e uma bateria de 4300 mAh, sendo esta igualmente compatível com a tecnologia SuperVOOC 2.0, que permite carregar a bateria a 65w. Este Find X3 Lite 5G estará disponível a €499.

Primeiras impressões Oppo Find X3 Pro 5G

Recebemos para análise um exemplar do novo modelo topo de gama da marca, estando este equipado com a configuração já referida, como o SoC Snapdragon 888, 12 GB de memória RAM e 256 GB de armazenamento do tipo UFS3.1. Em termos de desempenho, este smartphone comporta-se de forma exemplar, como seria de esperar com uma configuração de topo como esta, mas é na vertente multimédia que a Oppo volta a surpreender.

O ecrã é um dos melhores que já experimentámos, em termos de qualidade de imagem, e só é pena que o grafismo da interface ColorOS 11.2 não seja capaz de explorar ao máximo todo o potencial do mesmo (é uma questão de gosto), embora as imagens de fundo ao vivo sejam uma experiência extraordinária.

Onde este ecrã realmente demonstra todo o seu potencial é quando reproduz conteúdos de alta resolução, como os captados pelas excelentes câmaras utilizadas. A combinação de dois sensores idênticos (Sony IMX 766 de 50 MP) no sensor de grande angular e ultra grande angular é genial, garantindo assim uma consistência nas características da imagem captada por ambos os sensores, ideal para quando se realizam transições de imagem.

Onde o novo Find X3 Pro 5G revelou maior controvérsia, foi na vertente do design, não por culpa da invulgar solução de fusão entre o painel traseiro e o habitualmente saliente módulo de câmaras traseiras, mas sim pelo formato deste mesmo módulo, demasiado similar ao formato do módulo de câmaras utilizado pela Apple no iPhone 12 Pro Max. Saiba mais sobre este equipamento na análise completa, que será publicada na próxima edição da revista PCGuia.