SOS Viseu – Educação Digital oferece tablets a alunos para compensar atraso dos PC prometidos pelo Governo

Nos contactos que a autarquia fez com os agrupamentos escolares e associações de pais, foram identificados «cerca de 850 alunos em Viseu sem equipamento informático».
©Roberto Nickson

O Município de Viseu tomou a iniciativa de oferecer tablets aos alunos deste concelho, como forma de compensar o atraso do Governo; lembre-se que António Costa tinha prometido que os alunos iriam receber um PC para poderem assistir a aulas pela Internet.

«A ideia surgiu quando se percebeu que os computadores prometidos pelo Governo não chegariam às escolas em tempo útil para assegurar as condições necessárias ao ensino online», diz a Câmara Municipal de Viseu, num comunicado enviado aos jornalistas.

O resultado é a criação da iniciativa SOS Viseu – Educação Digital cujo objectivo é «reunir empresas, sector social e sociedade civil num objectivo comum: entregar equipamentos informáticos aos alunos que não dispõem de um computador que lhes permita participar no ensino à distância».

Para já, o Município de Viseu está, neste momento, a sensibilizar «empresas e particulares» para oferecerem «equipamentos, novos ou usados, com condições para o ensino à distância (placa de rede, câmara e microfone)».

Há 850 alunos a precisar de um computador, em Viseu

Este projecto, coordenado pela IPSS Obras Sociais Viseu em parceria com a Ename (que «assume o diagnóstico e reparação dos equipamentos doados») e a Interecycling tem já assegurada a entrega de 350 tablets, uma contribuição feita pelo presidente da Câmara, António Almeida Henriques. A Ename também já garantiu a doação de trinta computadores portáteis.

©SOS Viseu – Educação Digital

Segundo o edil, nos contactos que a autarquia fez com os agrupamentos escolares e associações de pais em Viseu, foram identificados «cerca de 850 alunos em Viseu sem equipamento informático que permita o acompanhamento do ensino online».

Caso tenha um computador ou um tablet que queira doar à SOS Viseu – Educação Digital (também estão a ser aceites donativos em dinheiro), basta entrar em contacto com as Obras Sociais deste município pelo 232 414 870.