Microsoft lança Office para Mac com processador M1

Chamadas Microsoft 365 for Mac Apps, as aplicações principais do Office foram actualizadas para funcionarem em computadores Apple com o novo processador baseado em tecnologia ARM.
Microsoft 365

A Microsoft acaba de lançar versões nativas das aplicações principais do Office para os novos computadores portáteis da Apple com processadores M1, baseados na tecnologia da ARM.

Este conjunto de aplicações chama-se agora Microsoft 365 for Mac Apps e inclui o Excel, OneNote, Outlook, PowerPoint e Word, que foram actualizados para funcionarem nativamente no hardware dos MacBook Air, MacBook Pro e Mac Mini mais recentes, baseados no novo processador M1 desenvolvido pela Apple, sem a necessidade de usar o sistema de compatibilidade com processadores x86, que está incluído no novo sistema operativo Big Sur.

Nos modelos que usam o novo processador M1, o sistema operativo, chamado Big Sur, utiliza a tecnologia Rosetta 2 para fazer funcionar aplicações que tenham sido concebidas para os processadores Intel, que a Apple usou até agora.

Esta tecnologia traduz o código x86 das aplicações antigas, para que possa ser usado no novo processador, assim que uma dessas aplicações é lançada pela primeira vez. Depois, guarda o código traduzido para ser utilizado quando a aplicação for usada outra outra vez. Por outro lado, as aplicações nativas não necessitam de passar por este processo e, por isso, são activadas muito mais rapidamente. A utilização de aplicações nativas para o M1 também limita a possibilidade de surgirem possíveis problemas de compatibilidade.

Para simplificar a vida dos utilizadores, os responsáveis pela publicação de software para Mac podem distribuir aplicações que incluem tanto código x86, como código nativo para M1 num único ficheiro a que se chama “Universal App”.

Este processo não é novo, a tecnologia Rosetta foi lançada pela primeira vez em 2006 com o Mac OS X Tiger, para permitir a execução de aplicações feitas para os processadores PowerPC nos computadores com processadores Intel que a Apple tinha começado a usar na altura.

Os utilizadores do Microsoft 365 que tenham a actualizações automáticas ligas vão começar a receber as aplicações para M1 em breve. Em alternativa, os utilizadores podem aceder à loja de aplicações para forçar a actualização.