Anda a circular ransomware disfarçado de uma versão de Cyberpunk 2077 para dispositivos móveis

Cyberpunk 2077 não está disponível para dispositivos móveis.
CyberPunk_2007

Apesar de Cyberpunk 2077 ter sido vítima do hype que a CD Projekt Red criou à volta do jogo, e de ter saído para o mercado cheio de bugs e problemas de desempenho, muitos fãs continuam a jogá-lo o mais possível. Isto criou uma oportunidade para alguém criar um ransomware e depois disfarçá-lo como uma versão do jogo para dispositivos móveis.

De acordo com a analista de malware da Kaspersky, Tatyana Shishkova, foi criado um site fraudulento muito parecido com a Google Play Store que está a oferecer uma suposta versão de Cyberpunk 2077 para dispositivos Android. Mas o que os utilizadores acabam por descarregar e instalar nos seus dispositivos móveis é ransomware.

Este novo ransomware recebeu o nome Coderware e, tal como os outros ransomwares, depois de infectar um dispositivo móvel encripta o seu conteúdo. Os utilizadores são depois notificados que têm 10 horas para enviar 500 dólares em bitcoins para o criador deste vírus. Se não o fizerem, o conteúdo do dispositivo será apagado permanentemente.

Felizmente nem tudo é mau, porque descobriu-se que este ataque usa a mesma variante utilizada no ransomware BlackKingdom, criado no início de 2020. Segundo Tatyana Shishkova da Kaspersky, existe uma forma de desencriptar os ficheiros sem pagar. Ao contrário do que acontece com o BlackKingdom, o Coderware usa uma chave que está incluída no código, o que quer dizer que os utilizadores podem usar o desencriptador que está incluído no vírus para aceder aos seus ficheiros em caso de ataque.

No entanto, a melhor forma de proteger a informação que está no seu dispositivo móvel é não descarregando, nem instalando software que não venha de fontes seguras. Não existe (ainda) nenhuma versão de Cyberpunk 2077, nem tão pouco foi anunciado o desenvolvimento de uma. A única forma de o jogar é na PlayStation 4, PlayStation 4, Xbox One, Xbox Series X|S, PC e através do serviços de jogos em streaming Stadia.

Exit mobile version