Google Fotos vai deixar de permitir o carregamento ilimitado de imagens a partir de 1 de Junho de 2021

Se quiser carregar mais do que 15 GB de fotografias para o Google Fotos, a partir de 1 de Junho de 2021 vai ter de fazer uma assinatura do serviço.
GoogleFotos

A Google está a planear acabar com uma das melhores funcionalidades do Google Fotos, a partir de 1 de Junho de 2021, quaisquer fotografias de alta qualidade, que carregue para o serviço contarão para o limite de 15 GB de espaço de armazenamento, onde também são guardados os seus documentos, apresentações e folhas de cálculo que crie através do Google Docs ou que carregue para os servidores da Google.

Assim que os 15 Gb forem ultrapassados terá de fazer uma assinatura Google One, que custa a partir de 2 euros por mês para 100 GB.

Os utilizadores que possuam um smartphone Pixel da Google (que não está disponível em Portugal) manterão a possibilidade de carregar imagens sem limitações mesmo depois de 1 Junho.

No contexto do serviço Google Fotos, “fotografias de alta qualidade” são fotos e vídeos que o são comprimidos automaticamente pelo serviço para que ocupem menos espaço. Os utilizadores podem também carregar imagens e vídeos na qualidade original, mas nesse caso sempre contaram para o limite dos 15 GB. Desde o lançamento do Google Fotos em 2015, a possibilidade de se carregarem fotografias sem limitações sempre foi uma das características mais atractivas deste serviço.

De acordo com a Google, esta alteração permitirá à empresa acompanhar a procura crescente por espaço de armazenamento. Para preparar os utilizadores, a empresa vai lançar uma nova ferramenta que servirá para ajudar os utilizadores do serviço a gerirem as fotografias que estejam guardadas no serviço. Esta ferramenta vai escolher automaticamente as fotografias que estejam desfocadas ou escuras e sugerir a sua eliminação para desocupar espaço.

O preço da assinatura do serviço Google One não será alterado e continuará a ser de 2 euros por mês para 100 GB. 

Exit mobile version