Logitech MX Master 3 para Mac

Não há melhor forma de caracterizar este rato: é um verdadeiro canivete suíço para os computadores da maçã. O setup não foi muito intuitivo, à primeira, mas depois de alguma insistência lá conseguimos instalar o software de configuração do Logitech MX Master 3 e começar a perceber todo o potencial deste novo rato.

Basicamente, é possível configurar todos os botões para aplicações diferentes: por exemplo, no Safari podemos definir o botão de scroll suplementar (que fica de lado) para navegar nas página de forma horizontal; já no Photoshop, pode ser definido para determinar a espessura do pincel. Fora das aplicações, quando estamos no desktop, as possibilidades são iguais – o destaque vai para um botão que fica na zona de apoio do polegar e que pode ser usado para lançar o Mission Control, por exemplo.

Este software de configuração, o Logi Option, pode ser descarregado a partir de um link que vem na caixa do rato, mas também poderia estar numa pequena memória interna de onde pudesse ser executado de forma automática.

Outro dos destaques é a possibilidade de emparelhar o MX Master 3 com três dispositivos diferentes da Apple (incluindo o iPad) – basta usar os botões ‘1’, ‘2’ e ‘3’ que estão na base. Em termos de ergonomia, trata-se de um rato que fica confortável na mão, mas que acaba por ser muito estranho para alguém que costuma usar sempre o Magic Mouse. Já o preço, é o típico da marca para este tipo de periféricos topo de gama, mas que acaba por justificar tendo em conta as capacidades que este “mestre” da polivalência nos dá.

Nota: 4,5/5
logitech.com | €109,90