MobilidadeReviews

Dynabook Satellite Pro L50-G

Se, nos últimos tempos, nos temos queixado do preço algo elevado dos mais recentes equipamentos da Dynabook, com o novo Satellite Pro L50, a situação muda de figura. Está aqui um dos mais acessíveis portáteis profissionais do mercado.

Classificação

Medições:7
Experiência8
Preço8.5

Gostámos

  • Preço
  • Desempenho geral

A rever

  • Poucas funcionalidades diferenciadoras

Ponto final

7.8Com o Satellite Pro L50-G, a Dynabook respondeu a todos os que consideravam os seus equipamentos demasiado dispendiosos, com um bom desempenho e boa autonomia, mas prepare-se para encontrar algumas limitações em termos de funcionalidades profissionais.

Embora a Dynabook insista que este Satellite Pro é um equipamento profissional, a realidade é que, em termos de algumas funcionalidades, e do preço pedido, este equipamento aproxima-se mais de modelos de consumo. Este computador é destinado a utilizadores profissionais pouco exigentes (em termos de mobilidade e segurança acrescida), ou para o sector da educação, já que utiliza um chassis em plástico, em vez do habitual magnésio como nas gamas Tecra e Portégé, um monitor de 15,6 polegadas de resolução FHD 1080p sem suporte para interacção por toque, e com dimensões e peso algo banais para um equipamento do género.

Requisitos mínimos
No campo da segurança, o Satellite Pro L50-G cumpre aquilo que consideramos os requisitos mínimos para poder ser equacionado como um equipamento profissional, contando com a versão Profissional do Windows 10, que permite a encriptação do sistema e dos seus dados, através de BitLocker, bem como suporte a todas as habituais funcionalidades associadas à sua utilização segura em domínios empresariais Microsoft, como Active Directory, Azure Active Directory, políticas de grupo, entre outras.

Este Satellite conta ainda com um obturador da webcam e um módulo fTPM, que embora seja por software e não por hardware, como nos modelos mais profissionais, sempre garante uma segurança adicional para evitar possíveis ataques.

Se optar por um modelo com uma configuração mais completa, terá acesso ao opcional leitor de cartões Smart Card, sensor de impressões digitais e webcam com infravermelhos, ambos certificados para autenticação Windows Hello.

Desempenho equilibrado
O que mais surpreendeu neste Satellite Pro foi a inclusão de um processador de 10.ª geração Intel Core, mais concretamente um Core i5-1021U de quatro núcleos de 1,6 GHz, que pode atingir os 4,2 GHz utilizando a tecnologia Turbo da Intel. Infelizmente, este processador utiliza uma controladora gráfica integrada básica (Intel UHD Graphics), e não a nova Intel Iris Plus Graphics, que oferece uma melhoria significativa em termos de desempenho, face a este modelo. Ainda assim, os resultados obtidos nos testes efectuados revelaram um desempenho acima do esperado, superando o desempenho de equipamentos equipados com processadores superiores. O resto da configuração tem 8 GB de memória RAM do tipo DDR4 a 2666 MHz, uma unidade SSD M.2 de 256 GB para o sistema operativo e um disco rígido SATA de 1 TB adicional, para guardar os seus trabalhos. Não podemos terminar este teste sem referir o bom resultado da bateria, que no teste do PCMark 10, ficou bastante próxima da autonomia anunciada pelo fabricante.


Distribuidor: Dynabook

Site: pt.dynabook.com

Preço: €1000


Benchmarks

  • PCMark 10 – 4042
  • PCMark 10 Productivity – 6798
  • PCMark 10 Battery Modern Office – 529 minutos
  • 3D Mark Cloudgate – 7715

Ficha Técnica

Processador: Intel Core i5-10210U a 1,6 GHz
Memória: 8 GB DDR4
Armazenamento: 256 GB SSD + 1 TB HDD SATA
Placa Gráfica: Intel UHD Graphics
Ecrã: 15,6” (1920 x 1080)
Ligações: 3 x USB 3.0, USB 3.1 Gen1 Type-C, HDMI, leitor de cartão SD, jack 3,5 mm
Dimensões: 361 x 244 x 19,9 mm
Peso: 1,7 kg

PCGuia
Este site utiliza cookies. Ao continuar a utilizá-lo estará a aceitar a nossa política de privacidade e os nossos Termos de utilização. Mais informação acerca da forma como utilizamos cookies está disponível aqui.
×