Dica do Dia: Diferenças entre unidades SSD

Dizer-se que tem um SSD no seu computador nem sempre signfica que tem a solução de armazenamento mais rápida do mercado, pois tudo está dependente do tipo de ligação suportada. Numa fase inicial, as unidades SSD estavam disponíveis em formato de 2.5 polegadas com interface SATA, já que as mesmas foram criadas para substituírem os tradicionais discos rígidos mecânicos de computadores portáteis.

Crucial SSD MX500

Estes SSD têm a particularidade de oferecer uma melhoria significativa de desempenho face aos discos rígidos mecânicos, de cerca de 150 MB/s de velocidade (tanto leitura como escrita) para 600 MB/s, velocidade essa limitada apenas pela interface SATA. Se optar por uma unidade SSD do tipo mSATA, esta continuará limitada à velocidade da interface SATA, mas permite que o módulo SSD seja significativamente mais compacto, ideal para computadores portáteis.

Para ultrapassar a limitação da ligação SATA, foi necessário o desenvolvimento da interface M.2, que tira partido das ligações PCIe, que comunicam directamente com o processador. Isto permite atingir velocidades de 3.94 GB/s, o limite suportado pela ligação PCIe 3.0 x4, valor esse que poderá ser superior se utilizar a mais recente ligação PCIe 4.0 x4, actualmente suportada apenas por motherboards com chipset AMD X570.