portugalcasino.pt

Asus VivoBook S15

A Asus tem sido pioneira no desenvolvimento de soluções de duplo ecrã para os seus computadores portáteis, tendo começado originalmente com a gama ZenBook e a tecnologia ScreenPad, que consiste na transformação do seu touchpad num segundo ecrã do equipamento.

Mais tarde seriam lançados os ZenBook Duo e ZenBook Duo Pro, com um segundo ecrã distinto, colocado junto ao ecrã principal, como solução para melhorar a produtividade dos seus utilizadores. Mas isso não significa que a tecnologia ScreenPad cairia em desuso, tendo a mesma sido adoptada pela gama VivoBook S15, para democratizar esta tecnologia em equipamentos mais acessíveis.

ScreenPad 2.0
A tecnologia ScreenPad 2.0 não é, na realidade, um duplo ecrã como acontece com as gamas ZenBook Duo, já que não se trata de um ecrã que pode ser simplesmente utilizado como extensão do ecrã principal, até porque isso nem faria sentido, tendo em conta a sua localização. Trata-se de uma tecnologia que tenta transformar o touchpad num ecrã de atalhos para as suas aplicações mais usadas, para navegar entre aplicações ou, simplesmente, para reproduzir aplicações em segundo plano, como o Spotify, enquanto usa o ecrã principal do VivoBook para trabalhar.

Pode ainda dar uso às 5,65 polegadas de ecrã táctil para escrever com os dedos, utilizá-lo como teclado numérico (embora exista um no teclado do computador), criar macros e atalhos das suas aplicações. As funcionalidades são inúmeras, mas se preferir utilizar o touchpad de forma tradicional no dia-a-dia, saiba que poderá simplesmente desligar/ligar o ScreenPad utilizando a tecla ‘F6’.

Configuração equilibrada
Com este novo VivoBook S15, a Asus decidiu melhorar a percepção de qualidade, ao dotar o mesmo de um chassis com elementos em alumínio, conferindo assim uma maior robustez, e um toque mais premium.
Isto combina na perfeição com a configuração escolhida, idêntica à utilizada no ZenBook Duo, onde encontrámos um processador Intel Core i7-10510U de 10.ª geração, 16 GB de memória RAM, uma unidade SSD NVMe com 1 TB e uma controladora gráfica Nvidia GeForce MX250.

Em contrapartida, para compensar os ganhos em termos de qualidade de construção e de configuração usada, a Asus optou por usar um ecrã com a designação ‘IPS Level’, ou seja, não é um ecrã do tipo IPS, embora ofereça bons ângulos de visualização, à semelhança dos mesmos. Infelizmente, o mesmo não pode ser dito da reprodução das cores: se trabalha com imagem, deverá optar por outro equipamento.

Ainda assim, o resultado global é bastante positivo, especialmente no campo do desempenho, onde apenas a bateria garantiu uma autonomia inferior ao esperado, embora o grande culpado seja o ScreenPad. Se o desactivar, verá aumentos de autonomia de duas horas adicionais.


Distribuidor: Asus

Site: asus.com/pt

Preço: €1299


Benchmarks

  • PCMark 10: 4253
  • PCMark 10 Productivity: 7727
  • PCMark 10 Battery Modern Office: 342 minutos
  • 3D Mark Cloudgate: 15 028

Ficha Técnica

Processador: Intel Core i7-10510U 1,8 GHz
Memória: 16 GB DDR4
Armazenamento: 1 TB SSD NVMe
Placa Gráfica: Nvidia GeForce MX 250 2GB
Ecrã: 15,6” TN (1920 x 1080)
Ligações: USB-C 3.1 Gen1, USB 3.1 Gen1, 2x USB 2.0, HDMI, leitor de cartão MicroSD, jack 3,5 mm
Dimensões: 357,2 x 230,3 x 18 mm
Peso: 1,8 kg