MobilidadeReviews

Dynabook Portégé X30-F

Lançado em Julho passado, o primeiro primeiro portátil Dynabook chegou finalmente à Europa. Terá a marca conseguido manter-se fiel aos compromissos da gama Portégé?

Classificação

Medições6
Experiência10
Preço7.5

Gostámos

  • Qualidade de construção
  • Desempenho

A rever

  • Preço

Ponto final

7.8Com o novo Portégé X30-F, a Dynabook demonstra que não se quer afastar das qualidades que tornaram a Toshiba uma referência do mercado profissional: um produto robusto, rápido e atraente, mas que continua bastante dispendioso.

Depois de Sharp Corp. ter comprado 80% da Toshiba, nasceu a nova marca Dynabook. Dizemos ‘nova’, mas para a Europa, já que a marca Dynabook, em si, conta já com trinta anos de história no mercado japonês.

Mas, tirando a questão do nome, o que mudou com esta alteração? Honestamente, pouco mais que o novo logótipo, e este Portégé X30-F é um claro exemplo disso. Visualmente, assemelha-se a qualquer outro Portégé destinado a um público-alvo profissional, que procura num equipamento ultra-portátil, toda a segurança e robustez que sempre encontrou nesta família de equipamentos da Toshiba, agora Dynabook. Recorrendo a um chassis em magnésio com padrão alveolar, este portátil demonstra ter sido criado especificamente para utilizadores profissionais, daí as suas características.

Para trabalhar
Estamos perante um equipamento com diversos sistemas de segurança, que começam pela BIOS; depois, temos autenticação de dois factores sempre que for necessário entrar no Windows 10 Pro pré-instalado, tanto a partir da leitura de rosto como do leitor de impressões digitais, ambos certificados para a tecnologia Windows Hello.

Para uma rápida ligação com periféricos externos, encontram-se disponíveis duas portas USB 3.1 Tipo C, ambas compatíveis com a tecnologia Thunderbolt 3, bem como os obrigatórios serviços de assistência que permitem gerir uma extensão de garantia, requisitar uma reparação do mesmo no local, entre outros, para que não fique sem a sua principal ferramenta de trabalho.

Configuração original
O X30-F tem um ecrã IPS 1080p de 13,3 polegadas, muito brilhante, mas que peca por não ser táctil. Lá dentro está um processador Core i7-8565U de 1,8 GHz (até 4.6 GHz em modo Turbo) com uma controladora gráfica integrada Intel UHD Graphics 620, um total de 32 GB de memória RAM, do tipo DDR4 a 2400 MHz e o sistema Intel Optane de 32 GB, que, por sua vez, funciona em conjunto com um SSD NVMe com 1 TB de espaço, acelerando ainda mais o acesso aos seus dados.

Falta apenas referir a presença de um competente sistema de som da Harman/Kardon, um preciso touchpad de grandes dimensões, a sempre original trackpoint e um agradável teclado retroiluminado. Claro que todas estas funcionalidades (e em parte pelos serviços associados) acabam por pesar bastante no preço.


Distribuidor: Dynabook
Site: pt.dynabook.com
Preço: €2430


Benchmarks

  • PCMark 10: 3896
  • PCMark 10 Productivity: 6459
  • 3D Mark Cloudgate: 8523
  • PCMark 8 Home Battery : 284 minutos

Ficha Técnica

Processador: Intel Core i7-8565U a 1.8GHz
Memória: 32 GB DDR4
Armazenamento: 32GB Intel Optane + 1TB SSD NVMe
Placa Gráfica: Intel UHD Graphics 620
Ecrã: 13,3” IPS (1920 x 1080)
Ligações: 2 x USB-C 3.1, USB 3.0, HDMI, leitor de cartão MicroSD, jack 3,5 mm
Dimensões: 316 x 227 x 15,9 mm
Peso: 1,05 kg

PCGuia
Este site utiliza cookies. Ao continuar a utilizá-lo estará a aceitar a nossa política de privacidade e os nossos Termos de utilização. Mais informação acerca da forma como utilizamos cookies está disponível aqui.
×