AmbienteNotícias

Dicas tecnológicas para criar uma casa mais sustentável

Com a ameaça cada vez mais real das alterações climáticas, a ideia de ter uma casa com “tecnologias verdes” é cada vez mais uma necessidade.

Painel Solar

Com a ameaça cada vez mais real das alterações climáticas, a ideia de ter uma casa sustentável, com “tecnologias verdes” e produtos reciclados ou recicláveis, deixa de ser uma realidade distante e é cada vez mais uma necessidade. Estas mudanças não precisam de ser necessariamente grandes e dispendiosas. Por vezes, pequenos utensílios e atitudes ajudam, pouco a pouco, a contribuir para a preservação do meio ambiente quando estiver na altura de comprar ou construir a sua nova casa (ou remodelar apenas a sua casa antiga). Neste artigo, damos-lhe a conhecer algumas sugestões desses pequenos detalhes que podem ser adicionados à sua casa.

Painel solar

Os painéis solares têm sido implementados desde os anos 80, mas nos dois últimos anos a tecnologia melhorou de tal forma que, se viver numa região com bastante sol, instalar este tipo de painéis poderá, na verdade, fazer uma grande diferença na sua conta de electricidade! Obviamente que a quantidade de energia produzida irá variar de acordo com a quantidade e tamanho dos painéis instalados.

Em média, um painel solar normal produz uma voltagem de cerca de 250 W. Supondo que a sua casa recebe, em média, cerca de 5h de luz do sol por dia, os painéis produzirão 1,25 kW de energia por dia, totalizando 37,5 kW por mês. Esta quantidade de energia é suficiente para alimentar os seus pequenos electrodomésticos, como por exemplo lâmpadas, torradeiras, abajures, cafeteiras, etc.

Barril de água

Esta talvez seja a opção mais económica e fácil, mas não deixa de ser útil e eficiente! Especialmente para quem vive em moradias, colocar barris do lado de fora (principalmente por baixo das calhas) para acumular água da chuva não custará mais do que poucos euros. Claro que esta água não será própria para beber, mas sim para regar o jardim, ou a sua horta, lavar o seu carro e a região exterior da sua casa. Pode parecer simples demais (mesmo não sendo tecnologia de ponta), mas esta medida fará diferença a longo prazo!

Sistema de descargas duplas

Muito provavelmente poderá já ter visto estes sistemas de descargas duplas em restaurantes, bares, centros comerciais e aeroportos. Pode parecer um detalhe insignificante, mas é na verdade um detalhe simples que o ajudará a poupar água em sua casa. Dependendo de quão velha é a sua casa de banho, a descarga pode consumir até 27% do total de água utilizado em casa.

Mas não tem motivos com que se preocupar, pois instalar um sistema de descarga dupla não requer trocar ou renovar os canos na sua casa de banho, basta solicitar a ajuda de um canalizador de confiança que saberá como o ajudar. Com um sistema de descarga dupla, será possível que a sua casa de banho faça a diferença entre desfazer-se de resíduos puramente líquidos e resíduos sólidos, permitindo que se gaste muito menos água (ou seja, somente o necessário) na hora de se livrar dos resíduos puramente líquidos.

Extensões eléctricas inteligentes

Muitas vezes não nos apercebemos, ou até nos esquecemos que desligar um electrodoméstico não significa com que este deixe de consumir energia. As televisões, leitores de DVD e sistema de videojogos são bons exemplos dos tipos de aparelhos que, se não forem desligados directamente das tomadas, continuarão a consumir energia (mesmo que em menor quantidade). A solução para este pequeno problema foi a criação das extensões eléctricas inteligentes, as quais funcionam com recurso a um dispositivo de controlo para cortar toda a energia que continuaria a ser fornecida.

Provavelmente, já utiliza uma extensão eléctrica no seu centro de entretenimento doméstico. Tudo o que precisa de fazer é substituí-la por uma extensão eléctrica inteligente, e terá tudo pronto para economizar! Assim que desligar o seu dispositivo através do controlo remoto, a extensão eléctrica inteligente irá reduzir o fluxo de energia de todos os outros dispositivos que estão ligados, fazendo com que todos sejam efectivamente desligados, em vez de continuarem a usar electricidade no modo standby.

PCGuia
Este site utiliza cookies. Ao continuar a utilizá-lo estará a aceitar a nossa política de privacidade e os nossos Termos de utilização. Mais informação acerca da forma como utilizamos cookies está disponível aqui.
×