MobilidadeReviews

Parrot Anafi

Para a Parrot, o Anafi, tem tudo para ser o drone compacto com a melhor relação preço/qualidade do mercado, mas estará à altura do excelente DJI Mavic Air, que é significativamente mais caro?

Classificação

Funcionalidades9
Experiência de Utilização7.5
Preço9

Gostámos

  • Qualidade de imagem
  • Versatilidade (focagem e ângulos)

A rever

  • Estabilização instável

Ponto final

8.5A inexistência de sensores de obstáculos exige cuidados redobrados, mas ultrapassando essa limitação, o Anafi revelou uma qualidade de imagem ao nível do seu rival da DJI, com a vantagem de permitir uma versatilidade em termos de ângulos que mais nenhum drone tem.

A Parrot está habitualmente associada a drones mais básicos (como o Mambo e o Bebop), mas o Anafi promete mudar essa percepção, já que tem características capazes de rivalizar com o Mavic Air da DJI.
Igualmente compacto, o Anafi permite recolher as hastes para facilitar o seu transporte, sendo o mesmo extremamente leve, graças ao recurso de um corpo totalmente em plástico. Este, infelizmente, tem um toque mais frágil que a concorrência, ao qual se junta a inexistência de sensores de obstáculos, o que significa que terá de ter cuidados redobrados sempre que voar com o Anafi.
Isto acaba por o tornar menos recomendável para novos utilizadores de drones, especialmente em locais ventosos, onde o Anafi revelou ser bastante susceptível a alguns sustos. Mas mesmo em locais sem vento, o Anafi mostrou que a sua estabilização de voo ainda não está ao nível do drone rival da DJI.

Zoom digital sem perda?
Se, em termos de corpo, o Anafi não nos convenceu inteiramente, já na vertente de imagem o drone da Parrot revelou dois dos seus pontos mais inovadores: o estabilizador do sensor de imagem com um ajuste vertical de 180º, permitindo assim captar ângulos que até agora eram impossíveis de captar com um drone; depois temos um sensor com 21 MP e HDR capaz de fazer zoom digital sem perda de qualidade de imagem (através do recorte da mesma), sendo garantido um zoom de 2,8x em vídeo FullHD, e 1,4x em vídeo 4K, uma vez que não é utilizada toda a superfície do sensor de imagem. Esta funcionalidade permite fazer melhores enquadramentos de imagem, sem precisar de se aproximar de um local e colocar o drone em risco.

Conceito DLC
Para controlar o Anafi, deverá usar o comando fornecido, bastante mais robusto e ergonomicamente agradável de usar que os modelos da DJI. Este tem uma haste ajustável para colocar o smartphone, para ver em tempo real o que está a ser captado pelo drone.
Para tal terá de usar a aplicação móvel Free Flight 6, muito completa e intuitiva, e que estreia uma solução que, embora controversa, nos parece muito acertada; há funções que não estão activadas por defeito e, para as termos, é comprá-las numa loja. À primeira vista isto pode parecer um erro, mas se esta solução permitir que sejam integradas novas ferramentas, mesmo que adquiridas separadamente, é o utilizador quem ficará a ganhar – estamos a falar em funções que custam apenas 1,09 euros cada, o que é um valor insignificante para os ganhos permitidos pelas funcionalidades. Até ao momento, estão apenas disponíveis duas funções-extra: o modo ‘Follow Me’ (onde o drone nos consegue seguir automaticamente) e o ‘Flight Plan’, que permite criar planos de voo autónomos, escolhendo inclusive pontos de interesse para definir posições específicas de gravação.


Distribuidor: Parrot

Site: parrot.com/pt

Preço: €699


Ficha Técnica

Sensor: CMOS 1/2.4”
Resolução: 21 MP (foto) 4K 30 fps (vídeo)
Armazenamento: MicroSD
Estabilização: três eixos mecânico
Autonomia de voo: 25 minutos
Dimensões: 153 x 152 x 116 mm
Peso: 386 gr

PCGuia
Este site utiliza cookies. Ao continuar a utilizá-lo estará a aceitar a nossa política de privacidade e os nossos Termos de utilização. Mais informação acerca da forma como utilizamos cookies está disponível aqui.
×