HardwareNotícias

O Mi Mix Alpha da Xiaomi é um ecrã com smartphone agarrado

O Mi Mix Alpha tem um ecrã OLED que dá a volta ao dispositivo.

Mi Mix Alpha Rotação

A Xiaomi apresentou hoje o Mi Mix Alpha mais novo membro da família Mi Mix, que talvez seja o smartphone mais original de 2019. Com um ecrã que dá a volta ao dispositivo e uma câmara principal de 100 megapíxeis.

A família de smartphones Mi Mix sempre foi utilizada pela Xiaomi para mostrar o que de melhor a empresa chinesa consegue fazer em termos de design e tecnologia. Em 2017, a empresa colaborou com Philippe Starck para desenvolver o Mi Mix 2, que foi um dos primeiros exemplos práticos de um smartphone com um ecrã que ocupava quase a totalidade da parte frontal.

O modelo do ano passado, o Mi Mix 3, tinha um ecrã completo com uma câmara de selfie em formato “pop up”.

Hoje, a Xiaomi mostrou ao mundo um novo Mi Mix com um ecrã OLED que está instalado ao redor do dispositivo e só é interrompido pela barra onde está instalada a câmara principal. O estado da bateria e a intensidade do sinal são mostrados na “lombada”, bem como os botões virtuais para controlar o volume.

Mi Mix Alpha
A animação de carregamento do Mi Mix Alpha.

Se um telemóvel todo feito de ecrã é impressionante, a câmara de 108 megapíxeis com sensor Samsung não deixa de ser fora do comum. Tal como acontece noutros produtos deste tipo, os píxeis são agrupados em quadrados 2×2 para oferecer mais sensibilidade à luz, o que no final corresponde a imagens com uma resolução efectiva de 27 megapíxeis.

O tamanho do sensor (1/1,33 polegadas), também não é muito usual no contexto do mercado de dispositivos móveis e pode ajudar o Mi Mix Alpha a ter boas capacidades de fotografia com pouca luz.

O facto de ter um ecrã que dá a volta ao dispositivo também dispensa a existência de uma câmara para selfies porque a zona de ecrã junto à câmara principal serve de viewfinder quando se quer tirar uma selfie.

Por dentro, o Mi Mix Alpha tem um chip Snapdragon 855+ da Qualcomm, capacidade de ligação a redes 5G, 12 GB de memória RAM e 512 GB de espaço de armazenagem. A bateria é de 4050 mAh com tecnologia de carga rápida de 40 W.

A Xiaomi diz que, para já, o Mi Mix Alpha é um conceito que não será produzido em massa para já. A produção em quantidades limitadas arranca este ano e chegará ao mercado em Dezembro com um preço de “conceito”: 2800 dólares americanos, cerca de 2500 euros.

PCGuia
Este site utiliza cookies. Ao continuar a utilizá-lo estará a aceitar a nossa política de privacidade e os nossos Termos de utilização. Mais informação acerca da forma como utilizamos cookies está disponível aqui.
×