Quarta-feira, 18 de Setembro de 2019
Notícias

Kaspersky Lab abre novo Centro de Transparência em Madrid

Kaspersky abre instalações em Madrid.

Kaspersky LabKaspersky Lab

O novo centro faz parte da Iniciativa de Transparência Global, que inclui um conjunto de medidas que têm como objectivo responder aos crescentes pedidos, tanto por parte de parceiros como de governos, para conhecer o funcionamento dos produtos e tecnologias da Kaspersky Lab.

Desde a abertura do primeiro Centro de Transparência em Zurique, em Novembro de 2018, que a Kaspersky Lab tem recebido vários pedidos de informação por parte de clientes, relativos à funcionalidade dos produtos e ao processamento dos dados.

A Kaspersky Lab desenvolveu um sistema de revisão com várias opções que se ajustam aos pedidos e interesses dos visitantes: desde uma pequena descrição geral, não técnica, sobre as práticas de engenharia e dos standards de protecção dos dados da empresa, até uma análise exaustiva de partes críticas do código-fonte da empresa. A página Web dos Centros de Transparência oferece mais informação sobre as opções disponíveis.

Para além da abertura do novo Centro de Transparência em Madrid, a empresa tornou públicos os resultados de uma avaliação legal voluntária, realizada por terceiros, com o objectivo de oferecer uma opinião independente sobre as obrigações que tem com a legislação russa.

Os resultados, disponíveis online, proporcionam uma evolução legal e imparcial aos clientes e parceiros da empresa que pretendem informação fiável sobre a Kaspersky Lab.

Segundo o estudo gerido pelo Kaj Hober, professor de Direito Internacional de Investimentos e Comércio da Universidade de Uppsala, Suécia, a empresa não está sujeita a obrigações definidas pelas leis russas relacionadas com o processamento e armazenamento de dados, devido principalmente à natureza das suas actividades.

“As empresas mostram-se preocupadas com aspectos sensíveis relacionados com os processos de gestão de dados, desde como estes se armazenam e processam, até ao que é feito pela empresa para os manter seguros. Por isso, abrimos um Centro de Transparência adicional onde os clientes e governos europeus podem obter respostas a todas as suas perguntas. Este é também um motivo que levou a empresa a realizar uma avaliação legal”, afirmou Anton Shingarev, Vice-presidente de Assuntos Públicos na Kaspersky Lab.

Via: Kaspersky Lab.

PCGuia
Este site utiliza cookies. Ao continuar a utilizá-lo estará a aceitar a nossa política de privacidade e os nossos Termos de utilização. Mais informação acerca da forma como utilizamos cookies está disponível aqui.
×