Google remove mais apps infectadas por malware da Play Store

Android Malware

Os investigadores da Check Point Software Technologies Ltd, com a ajuda do editor da BuzzFeed, Craig Silverman, descobriram uma série de aplicações responsáveis pela condução de actividades fraudulentas dirigidas a agências de publicidade, na Google Play Store.

O malware encontrado nas aplicações, também denominado por “PreAMo”, imita o utilizador através do clique em banners de três agências – Presage, Admob e Mopub. No total, este malware foi alvo de download mais de 90 milhões de vezes através de seis aplicações.

A receita conseguida através da publicidade pode ser bastante elevada e esse é o motivo pelo qual os agentes das ameaças direccionam os seus ataques contra as agências.

A Check Point notificou a Google do sucedido e esta removeu de imediato as aplicações infectadas da Play Store.

Via: Check Point Software Technologies Ltd.