Roomba i7, o primeiro da nova geração de robôs aspiradores da iRobot já chegou a Portugal

O Roomba i7, o novo robô da iRobot, chegou a Portugal e já se consegue despejar sozinho e libertar-se melhor dos obstáculos.
Roomba i7_1

O Roomba i7, o mais recente robô aspirador da iRobot, vai chegar às lojas portuguesas dia 15 de Fevereiro. O novo robô inclui um conjunto de novidades que têm como objectivo melhorar o desempenho e versatilidade.

A primeira é a criação de um mapa de toda a casa que depois permite ao utilizador dar nomes às divisões da casa e escolher as que são limpas e quando. A funcionalidade de mapeamento já está disponível desde o modelo Roomba 960 e funciona através de uma câmara, instalada na parte de cima do robô, que vai tirando fotos várias vezes por segundo a pontos de referência pela casa, a memória interna do robô tem capacidade para 10 pisos. No caso do i7, os mapas são mais precisos e detalhados que no modelo anterior. Esta precisão é possível devido ao facto do i7 dispor de novo hardware interno, nomeadamente um processador interno da Qualcomm com quatro núcleos, que oferece um maior desempenho de processamento.

Graças à actualização de hardware interno, o novo Roomba i7 tem um software de navegação muito mais avançado, que lhe permite libertar-se mais facilmente de situações em que outros modelos ficariam presos, interrompendo o ciclo de limpeza.

O Roomba i7 pode ser controlado à distância através de uma aplicação disponível para iOS e Android. Como estamos numa era em que os assistentes virtuais estão em franca expansão, também a iRobot inclui uma função que permite ao i7 ser controlado por voz através dos assistentes Alexa da Amazon e Google Assistant

No que respeita ao hardware relacionado com a limpeza, o Roomba i7 tem um novo depósito de pó que pode ser lavado porque o motor de aspiração foi removido para dentro do próprio robô, De resto, o sistema de limpeza continua a utilizar dois rolos de borracha mais a pequena escova rotativa de três lado, que serve para apanhar o lixo que possa estar nos cantos, ou outras zonas de mais difícil acesso.

Roomba i7 _CleanBase1

Esquema de funcionamento da Clean Base do Roomba i7.

Mas aquela que é a grande novidade apresentada com o Roomba i7 é a Clean Base, uma base que serve para carregar a bateria do robô e remover automaticamente o lixo que está dentro do depósito durante o ciclo de limpeza. Isto é conseguido através de um sistema de aspiração que é activado automaticamente quando o robô sobe para a base. O lixo é removido através de uma pequena porta de borracha grossa que está na parte de baixo do robô e vai parar a um pequeno saco de papel descartável que tem capacidade para 30 cargas do depósito do robô.

Segundo a iRobot, a bateria do Roomba i7 tem uma duração de 75 minutos se estiver a operar em superfícies lisas, como soalhos ou tijoleira. Em alcatifa, ou tapetes, a bateria dura menos tempo.

Roomba i7_2

O iRobot Roomba i7 pode ser adquirido sem a Clean Base por €899 e com a Clean Base por €1199. A base também pode ser adquirida à parte.

Categorias
HardwareNotíciasRobots

Sou director da PCGuia há alguns anos e gosto de tecnologia em todas as suas formas. Estou neste mundo muito por culpa da minha curiosidade quase insaciável e por ser um fã de ficção científica.
Sem comentários

Deixe um comentário

*

*

Assinaturas

Newsletter PCGuia
Subscreva a newsletter da PCGuia e fique a par das últimas notícias, dicas e truques de hardware e software.
Subscrever
Newsletter PCGuia
Subscreva a newsletter da PCGuia e fique a par das últimas notícias, dicas e truques de hardware e software.
Subscrever
close-link