NotíciasSegurança

Microsoft lança “Office 2019” para Windows e Mac

office 2019

Apesar da Microsoft estar a fazer uma grande pressão para que todos os utilizadores do Office se mudem para subscrições online, não quer dizer que não se esqueceu de todos os que ainda são fieis à velha solução de instalar localmente os seus programas. Por isso, a empresa de Redmond começou a distribuição do “Office 2019” para utilizadores das versões para Windows e MacOS.

O novo “Office 2019” não é uma versão inteiramente nova do conjunto de aplicações de produtividade da Microsoft, trata-se sim do conjunto de actualizações que a empresa tem vindo a fazer às aplicações que fazem parte do serviço Office 365 nos últimos três anos. Isto não quer dizer que não sejam úteis para os utilizadores que não têm acesso às actualizações do Office 365, mas chamar-lhe “Office 2019” dá a entender que é um produto novo. Quando, na prática, não é.

Com esta actualização, a versão para MacOS do Microsoft Word vai começar a ter um modo “Focus” que serve para ajudar o utilizador a concentrar-se quando está a trabalhar. A versão para Windows do Word vai ter um modo escuro, funcionalidades de escrita manual mais avançadas e outras funções relacionadas com a acessibilidade, como o sistema de leitura em voz alta.

O PowerPoint vai ter novas transições, exportação de vídeo em 4K, a possibilidade de se utilizarem conteúdos em 3D e ficheiros de imagem SVG. O Excel vai ter novos tipos de gráficos, mapas 2D, linhas temporais e outras novas funcionalidades. O Outlook recebe fichas de contacto actualizadas, suporte para grupos do Office 365, menções, uma caixa de correio simplificada e novas funcionalidades de sumários para o planeamento de viagens e entregas.

Para já, apenas os utilizadores comerciais com licenças de volume vão poder utilizar o “Office 2019”. Os utilizadores domésticos e empresariais sem estas licenças vão ter de esperar algum tempo para receberem a actualização. Se já utiliza o Office 365, quase de certeza que esta actualização lhe vai dizer pouco, porque a grande maioria destas novidades já podem ser utilizadas neste momento.

PCGuia
Este site utiliza cookies. Ao continuar a utilizá-lo estará a aceitar a nossa política de privacidade e os nossos Termos de utilização. Mais informação acerca da forma como utilizamos cookies está disponível aqui.
×