Play – Jurassic World Evolution

Bem-vindos ao Mundo Jurássico.

De todas, esta parece ser a melhor forma de começar a análise ao sucessor espiritual de Jurassic Park: Operation Genesis. Jurassic World Evolution estreia-se este verão na Playstation 4, Xbox One e PC com o objectivo de ramificar e alargar o estrondoso sucesso do blockbuster que nos foi pela primeira vez apresentado por Steven Spielberg em 1993.

Neste jogo tomamos controlo do arquipélago das Cinco Muertes (The Five Deaths) numa das experiências mais completas dentro do que se tem visto nos últimos anos do género de Tycoon. A premissa do jogo é simples: Criar o derradeiro parque jurássico, mantendo o lucro estável enquanto são evitadas fatalidades.

Mas no maravilhoso mundo dos dinossauros vão sistematicamente aparecendo desafios que visam pôr-nos à prova perante a adversidade. Cada ilha é contemplada com contrariedades muito próprias, que podem ir desde sabotagens industriais a condições climatéricas extremas (como tempestades tropicais e furacões).

Nesta diversidade de cenários somos lançados num frenesim contra-relógio para manter a segurança e o controlo do nosso parque. Caso contrário será despoletado o derradeiro perigo do jogo – os dinossauros fugirem das vedações a que estão confinados e, tal como aconteceu nas várias entregas da saga no grande ecrã, semearem o caos na ilha.

Em Evolution temos um conjunto de 48 espécies de dinossauros (número que está a ser ampliado através de vários DLCs) que vão desde os clássicos da franquia como Tyrannossaurus Rex e Velociraptor a espécies menos escrutinadas como o Gigantspinosaurus, que trazem toda uma nova dimensão à meticulosa actividade de gerir o Mundo Jurássico. Estes dinossauros são conseguidos através da extracção de ADN, que é sintetizado nos laboratórios do nosso parque, e é obtido nos mais diversos pontos de escavação (dos quais destacamos as formações arqueológicas da Lourinhã, no nosso maravilhoso Portugal). Temos também a hipotese de gerar em laboratório os temíveis Indominus Rex e Indoraptor, que foram apresentados na nova duologia (que está planeada trilogia) de Jurassic World.

Mas não são estes últimos as únicas aberrações genéticas que podem sair das incubadoras. O jogo permite-nos alterar traços genéticos dos nossos dinossauros através de ADN de outra espécies vivas hoje. Podemos aumentar vários índices tais como agressividade, longevidade e até mudar o padrão da aparência de cada dinossauro do nosso parque.

Para tentar manter toda esta panóplia de seres pré-históricos em controlo, somos preparados com diversas unidades de contenção de activos (ACU), centros de Rangers e, em última instância, abrigos de emergência. Temos também um foco alargado aos três departamentos fulcrais de Jurassic World. O departamento de entretenimento, o departamento da ciência e o departamento de segurança. Cada departamento tentará cativar-nos mais do que o próximo, com diversas missões específicas e recompensas aliciantes. Para além das estruturas que visam facilitar a segurança do parque podemos também, entre outros, construir hotéis, restaurantes e lojas de merchandise para aumentar a quantidade de visitantes e incrementar o seu índice de satisfação.

A nível técnico, e focando no ramo do grafismo, Jurassic World Evolution cumpre o exigido de um jogo de Tycoon, com modelos muito bem representados quer das mais diversas espécies de dinossauros, quer dos edifícios e atracções presentes no jogo. A nível sonoro não fica atrás, com rugidos dignos de filme de Hollywood, pecando apenas por ter poucos temas da saga original.

Resta apenas desejar que no horizonte apareça um DLC que recompense o jogador com novas missões ou até modos de jogo, para tornar Evolution mais apelativo após terminar a gestão das Cinco Muertes, visto ser essa a maior lacuna na longevidade da experiência.

Ponto final

Em suma, Jurassic World Evolution é o esperado sucessor de Jurassic Park: Operation Genesis, que dignifica o já pouco explorado género de Tycoon e nos faz acreditar que nas famosas e sábias palavras de Ian Malcolm (personagem representada por Jeff Goldblum) – Life finds a way.

+ Variedade de espécies
+ Representação visual sublime dos dinossauros
– Simplicidade dos parâmetros de gestão do parque

Gráficos: 7
Som: 7
Jogabilidade: 9
Longevidade: 6
Nota final: 7

Distribuidor: Frontier Developments
Site: https://www.frontier.co.uk/contact
Preço: €59,99

 

Categorias
JogosPCPlaystationXbox
Assinaturas

ARTIGOS RELACIONADOS

Newsletter PCGuia
Subscreva a newsletter da PCGuia para ficar a par das últimas notícias, dicas e análises de hardware e software.
Subscrever
close-link