Elon Musk apaga páginas da Tesla e SpaceX no Facebook

O empresário foi desafiado para o fazer no Twitter e, pelos vistos, aceitou.
SpaceX

Hoje Elon Musk, o dono da SpaceX e da Tesla foi desafiado a apagar as páginas das suas empresas na rede social Facebook e, minutos depois, elas deixaram de existir. Cada uma tinha cerca de 2,6 milhões de seguidores.

A decisão surgiu no seguimento de uma troca de tweets com várias pessoas, incluindo com Brian Acton, um dos responsáveis pela app de comunicação Signal e fundador da WhatsApp, que continha a hastag #deletefacebook. Musk perguntou o que era o Facebook e, mais tarde, recebeu uma resposta de um seguidor que o desafiou a apagar a página da SpaceX no Facebook, se ele “fosse homem” ou “o homem”. Musk respondeu que nem sabia que a empresa tinha uma página no Facebook e que queria manter o seu estatuto de “homem”.

A partir daqui as coisas desenrolaram-se depressa. Depois de alguém lhe mandar um secreenshot da página da SpaceX na Facebook, ele respondeu que era a primeira vez que a estava a ver e que iria desaparecer em breve. Depois alguém sugeriu-lhe também apagar a página da Tesla ao que Elon Musk respondeu que “era algo pirosa”. E pronto. A SpaceX, Tesla e, como bónus, a empresa de painéis solares Solar City (que também lhe pertence) deixaram de estar presentes no Facebook.

 

Esta atitude de Elon Musk segue-se a uma semana péssima para a rede social depois da revelação no fim-de-semana passado que a Cambridge Analytica conseguiu obter ilegalmente informações pessoais de mais de 50 milhões de utilizadores da rede Facebook, que depois foram utilizadas pela campanha presidencial de Donald Trump e pelos apoiantes do Brexit para tentar influenciar o voto popular. Desde essa altura o Facebook tem sido alvo da ira dos utilizadores e dos políticos que exigem a definição de regras para regular a actividade da rede.

Apesar desta decisão, a SpaceX e Tesla ainda estão presentes no Instagram que pertence ao Facebook. Vejamos se Musk é “homem” para também sair desta rede social.

Categorias
InternetNotícias

Sou director da PCGuia há alguns anos e gosto de tecnologia em todas as suas formas. Estou neste mundo muito por culpa da minha curiosidade quase insaciável e por ser um fã de ficção científica.
Assinaturas

ARTIGOS RELACIONADOS

Newsletter PCGuia
Subscreva a newsletter da PCGuia para ficar a par das últimas notícias, dicas e análises de hardware e software.
Subscrever
close-link