Review – WeTek Hub

Já é costume começar as reviews pelo design, mas desta vez é mesmo obrigatório, porque ao contrário do que acontece com a maioria dos fabricantes de leitores de média...

Já é costume começar as reviews pelo design, mas desta vez é mesmo obrigatório, porque ao contrário do que acontece com a maioria dos fabricantes de leitores de média e Android PC, a WeTek renovou a aparência do seu produto mais recente.

Com uma boa construção, o WeTek Hub é muito compacto, com apenas 7 x 7 cm e 2 cm de altura. O objectivo de construir uma box tão pequena é permitir que esta fique escondida, por exemplo, por trás da TV. A marca é uma das mais reconhecidas no meio das Android TV, especialmente pela sua participação constante na actualização do Kodi. Não é por isso de estranhar que assim que ligámos a box tenhamos encontrado logo um update, que também renovou a versão do Kodi (17.0).

As ligações disponíveis são HDMI, Ethernet, USB 2.0 e MicroSD; além de uma entrada para o transformador e uma RS232, há ainda uma entrada para um extensor do IR. Apesar do extensor, não o comando não tem air mouse, apenas directional mouse, que é como quem diz, usar as setas. Por outro lado, pode instalar a aplicação WeControl e comandar o aparelho através do smartphone Android. Para usar esta opção tem de activar a funcionalidade em Definições>Acesso Remoto & Acessórios>Remoto>On.

A interface desenvolvida pela WeTek é das melhores que já encontrámos nestes dispositivos e à semelhança do que acontece com o Core, tem um sistema de notificações óptimo, com muita simplicidade na personalização do menu principal, e uma app dedicada às actualizações de sistema. O Hub é Microsoft PlayReady, o que quer dizer que pode aplicações como o Netflix funcionam em Full HD, libertando-se das limitações a nível de qualidade de imagem que alguns dispositivos Android têm com serviços de streaming.

No seu interior vem uma GPU Penta Core, mas apenas 1 GB de RAM, além de se manterem os 8 GB de armazenamento que encontrámos no Core. Contudo, mais uma vez, não encontrámos falhas no que diz respeito à exibição de conteúdos no Kodi ou ao correr os programas de benchmark. Por outro lado, jogos um pouco mais pesados revelaram problemas e várias paragens. No entanto, não vemos no Hub uma máquina para jogos, mas sim um leitor de média (muito competente).

A sua melhor característica é a qualidade de imagem, seja em HD, Full HD ou mesmo 4K. Também o IPTV funcionou sem problemas e, se tem tudo ligado em rede, pode usufruir dos conteúdos que tem nos vários discos da sua rede sem problemas (talvez tenha de aguardar um pouco que carreguem, mas depois é sempre a andar, dependendo da qualidade da sua ligação).

Apesar de este não ser o dispositivo mais potente da WeTek, as suas dimensões fazem-no subir na nossa consideração, assim como a sua capacidade de funcionar como leitor de média. Se os jogos pesados fazem parte do objectivo esta máquina não serve, mas se quer ver filmes no Kodi ou na Netflix e ainda jogar Angry Birds de vez em quando, o WeTek Hub é o equipamento indicado, e ainda o pode esconder facilmente.

Categorias
ImagemReviews
Assinaturas

ARTIGOS RELACIONADOS

Newsletter PCGuia
Subscreva a newsletter da PCGuia para ficar a par das últimas notícias, dicas e análises de hardware e software.
Subscrever
close-link