Review – Corsair Hydro H80i GT

O teste a sistemas de arrefecimento líquido é algo que raramente fazemos, pois este tem sido um mercado com poucas novidades. Actualmente todos os fabricantes com estes sistemas tendem...
Review - Corsair Hydro H80i GT

O teste a sistemas de arrefecimento líquido é algo que raramente fazemos, pois este tem sido um mercado com poucas novidades.

Actualmente todos os fabricantes com estes sistemas tendem a usar o mesmo formato, com desempenho praticamente equivalente entre si, mas a Corsair promete mudar isso com esta versão GT do seu sistema compacto Hydro H80i.

Logo para começar encontramos um radiador de 120 mm mais espesso que o habitual (49 mm) e preparado para a colocação de duas ventoinhas silenciosas de 120 mm, colocadas dos dois lados.

Esta solução, tal como as restantes, possui a bomba de água colocada no próprio bloco, sendo este fabricado em cobre, para uma melhor dissipação de calor, e com um sistema de montagem extremamente simples, que o torna compatível com qualquer sistema actual, seja Intel (com encaixe LGA 1150, 1151, 1155, 1156, 1366, 2011 e 2011-3) ou AMD (com encaixe AM2, AM3, FM1 e FM2).

Todo o processo de montagem é extremamente simples, não sendo necessária a utilização de qualquer chave para a montagem do bloco, embora seja necessária a utilização de uma do tipo Philips para aparafusar as ventoinhas ao radiador e à caixa do computador.

O bloco tem ainda uma entrada USB, para ligar um cabo que, por sua vez, será ligado a uma porta USB interna do PC para poder usar o software Corsair Link.

O software permite não só monitorizar temperaturas do bloco, como regular a velocidade da bomba de água, das ventoinhas do radiador, bem como personalizar o LED RGB integrado no bloco, que poderá reagir de acordo com a temperatura do sistema, ao tornar-se encarnado quando a temperatura começar a subir, algo que, felizmente, nunca assistimos durante o teste. Para este, utilizámos um sistema composto por um processador AMD FX-8350 de oito núcleos a correr a 4,12 GHz de velocidade.

Este processador, quando arrefecido por um dissipador Noctua NH-L12 com uma ventoinha NF-F12 de 120 mm, registou temperaturas na ordem dos 34 graus em Idle e 64 em carga (usando o Prime95). Substituindo este dissipador pelo Corsair H80i GT, assistimos a uma melhoria nas temperaturas, com o processador a registar 31 graus em Idle e 47 em carga, um valor impressionante se tivermos em conta que o dissipador da Noctua é, já de si, uma solução bastante eficaz face ao dissipador de origem da AMD.

Este resultado revela-nos que, graças ao Corsair Hydro H80i GT, podemos explorar um pouco mais o potencial de overclock deste CPU. Embora o preço se justifique perante o desempenho registado e face a soluções equiparáveis com um radiador de 120 mm, custa-nos recomendar uma solução de dissipação mais cara que alguns processadores para quem não pretenda usar overclock no mesmo.

Categorias
ComponentesReviews

Editor da revista PCGuia, com mais de 10 anos no mercado de publicações tecnológicas. Grande adepto de tudo o que seja tecnológico, ficção científica e quatro rodas.
Assinaturas

ARTIGOS RELACIONADOS

Newsletter PCGuia
Subscreva a newsletter da PCGuia para ficar a par das últimas notícias, dicas e análises de hardware e software.
Subscrever
close-link