Review – Acer Predator X34

Tal como reconheci na edição anterior, o ecrã curvo, se aplicado num formato Ultra Wide (21:9) e num ecrã de grandes dimensões, consegue finalmente cativar-me. Tal como o Philips...
Review - Acer Predator X34

Tal como reconheci na edição anterior, o ecrã curvo, se aplicado num formato Ultra Wide (21:9) e num ecrã de grandes dimensões, consegue finalmente cativar-me. Tal como o Philips BDM3409, outro monitor que utiliza esta “fórmula” é o novo Acer Predator X34.

Tal como o nome indica, utiliza igualmente um ecrã de 34 polegadas que, aliado a um painel do tipo IPS com tempo de resposta de apenas 4 ms, e à elevada resolução suportada (UW-QHD 3440×1440 pixéis), garante uma imagem de elevada qualidade, não só para trabalhar como para ver filmes ou jogar, sendo esta última a razão pelo qual a Acer criou este monitor.

Isto é justificado não só pelo facto de se tratar de um equipamento da gama Predator, como pelo visual futurista, com elementos diferenciadores como a base original, o sistema de iluminação inferior personalizável RGB, modos de visualização específicos para diferentes tipos de jogos, sistema de som estéreo integrado, com duas colunas de 7W cada e certificação DTS Sound e suporte do sistema Nvidia G-Sync, que permite eliminar falhas e falta de suavidade na reprodução da imagem, desde que possua uma placa gráfica Nvidia GeForce compatível com o sistema.

Caso contrário, poderá sempre tirar partido do sistema de overclock de imagem integrado, que permite duplicar a taxa de refrescamento da imagem dos tradicionais 50 Hz num monitor do tipo LCD, para os 100, tornando assim a imagem mais suave e linear.

Apesar de se tratar de um monitor para gaming, a Acer optou pela instalação de funcionalidades que só tendem a ser encontradas em monitores profissionais, como a já referida base, que permite ajustar o ecrã, tanto em altura como em inclinação (de -5 a 35 graus).

Destaque ainda para as ligações existentes, uma rápida HDMI 2.0 e uma DisplayPort 1.4, bem como um hub USB 3.0 de quatro portas, particularmente útil para ligar imediatamente o seu rato, teclado e auscultadores de gaming durante uma Lan Party.

O preço pedido poderá tornar este monitor menos apelativo, mas está perfeitamente dentro da média dos valores pedidos por equipamentos desta dimensão, com a vantagem de suportar a tecnologia Nvidia G-Sync, que tende a encarecer significativamente os monitores suportados.

Categorias
ImagemReviews

Editor da revista PCGuia, com mais de 10 anos no mercado de publicações tecnológicas. Grande adepto de tudo o que seja tecnológico, ficção científica e quatro rodas.
Assinaturas

ARTIGOS RELACIONADOS

Newsletter PCGuia
Subscreva a newsletter da PCGuia para ficar a par das últimas notícias, dicas e análises de hardware e software.
Subscrever
close-link