Play – Splatoon 2

O festival de cor chegou à Switch.
Splatoon 2

Quando Splatoon apareceu na Wii U marcou o início de uma mudança para novos temas e personagens que a Nintendo tinha mesmo de começar a fazer. Não é que Mario não continue a ser muito bem-sucedido, mas o Mario era a Nintendo e a Nintendo era o Mario, o que, convenhamos, não é uma estratégia muito acertada.

Pintar! Pintar!

Splatoon é um jogo multiplayer que, em vez de armas letais, usamos uma pistola que dispara tinta. O objectivo é colorir mais área do cenário que o oponente. Splatoon 2 transporta todo o gameplay do original para a nova plataforma Switch da Nintendo e ainda lhe acrescenta alguns novos modos de jogo em rede, bem como uma campanha single player para se entreter quando a ligação à Internet não é uma hipótese.

Entre os novos modos de jogo está, por exemplo, o Salmon Run, um modo cooperativo em que a equipa tem de ultrapassar sete bosses progressivamente mais difíceis. Outra novidade são as novas armas, como as pistolas automáticas, que disparam dois tiros de cada vez, ou a Splat Brella, uma “caçadeira” com um guarda-chuva que é, ao mesmo tempo, um escudo e uma arma ofensiva.

Mais do mesmo

Em relação à versão original de Splatoon, a sequela oferece também melhorias ao nível da interface. Esta inclui, agora, a possibilidade de se conseguir ver que armas os nossos inimigos têm equipadas, há também o voice-chat, que, como o nome indica, permite que os membros de uma equipa comuniquem entre si por voz, para melhorar a coordenação dos vários elementos.

Tecnicamente, a Nintendo fez um excelente trabalho na adaptação das particularidades do original à nova plataforma; além disso, acrescentou novos modos e funcionalidades. No entanto, as novidades não chegam para que, quem jogou o original, deixe de achar que é um pouco mais do mesmo.

Ponto Final

Gostei do original e também gostei desta nova versão. As melhorias são muito bem-vindas, principalmente o voice-chat que é crucial em jogos deste tipo. Splatoon 2 é daqueles jogos muito divertidos em que não se dá pelo tempo a passar, o que é uma das coisas que melhor se podem dizer sobre qualquer jogo.

+ Divertido
+Novos modos de jogo
– Falta o modo splitscreen do original

Gráficos: 8
Som: 8
Jogabilidade: 9
Longevidade: 9
Nota final: 8,5

Editora: Nintendo
Distribuidor: Nintendo
Contacto: nintendo.pt
Preço: €59,99
Plataforma: Switch

Se gostou deste título recomendamos: Splatoon, Overwatch, Team Fortress

Categorias
AnálisesJogos

Sou director da PCGuia há alguns anos e gosto de tecnologia em todas as suas formas. Estou neste mundo muito por culpa da minha curiosidade quase insaciável e por ser um fã de ficção científica.
Sem comentários

Deixe um comentário

*

*

Assinaturas

ARTIGOS RELACIONADOS

Insira o seu nome e endereço de e-mail para receber as newsletters da PCGuia