Segunda-feira, 14 de Outubro de 2019
HardwareMobilidadeNotícias

Samsung mata Galaxy Note 7

galaxy_note_7

A agência Bloomberg noticiou hoje, citando fonte da Samsung, que a empresa coreana vai descontinuar definitivamente a produção do smartphone Galaxy Note 7.

Esta decisão vem no seguimento de vários problemas com a bateria do dispositivo móvel que surgiram na China e Estados Unidos que, devido a sobreaquecimento, fizerem com que os equipamentos pegassem fogo tanto em utilização, como durante o carregamento e mesmo em standby.

Após a investigação do problema, a Samsung chegou à conclusão que era divido ao isolamento interno da bateria, que, em certas ocasiões, permitia o contacto entre os dois pólos o que originava um sobreaquecimento e explosão da bateria.

No mês passado, a Samsung iniciou um recall de todos os equipamentos vendidos desde o lançamento para a substituição das baterias defeituosas. Apesar disso, na semana passada, vieram a público noticias que davam conta de incêndios causados por dispositivos que já tinham sido substituídos, o que indica que mesmo as novas baterias também teriam problemas.

As acções da Samsung caíram 8 por cento ontem, o que corresponde a uma perda de 17 mil milhões de dólares de valor de mercado.

O Note 7 foi lançado mundialmente em Agosto, tendo sido fabricadas 2,5 milhões de unidades.

PCGuia
Este site utiliza cookies. Ao continuar a utilizá-lo estará a aceitar a nossa política de privacidade e os nossos Termos de utilização. Mais informação acerca da forma como utilizamos cookies está disponível aqui.
×