3000 apps Android contêm o malware DressCode

malware-android-01

Uma equipa de investigadores da Trend Micro descobriu que 3000 aplicações para os dispositivos móveis Android, 400 das quais estão disponíveis na loja Google Play, estão infectadas com o malware DressCode.
O código deste malware contém uma componente concebida para instaurar um proxy SOCKS no dispositivo móvel.

Segundo a notícia do site Softpedia, os cibercriminosos podem utilizar este proxy, caso o proprietário do smartphone esteja no seu local de trabalho, para aceder à rede Wi-Fi da empresa e, após descobertas as vulnerabilidades, atacarem os servidores e restantes dispositivos que normalmente estão protegidos por uma firewall. Uma vez que o tráfego é canalizado através do proxy SOCKS, a firewall considera que se trata da habitual navegação na Web.

Este malware também pode ser utilizado para ataques DDoS (Distributed Denial of Service).

Via Softpedia, Trend Micro.