Partilhe ficheiros de forma simples e rápida entre Mac

Esqueça as pens e o e-mail: há formas bastante mais simples de transferir ficheiros de um Mac para outro ou, até mesmo, de ter acesso aos mesmos de forma...
MacBook-Pro-New

Esqueça as pens e o e-mail: há formas bastante mais simples de transferir ficheiros de um Mac para outro ou, até mesmo, de ter acesso aos mesmos de forma partilhada e em simultâneo: temos seis para lhe mostrar.

Partilha de Ficheiros

A forma mais básica de partilhar ficheiros entre Mac é usar a ferramenta do sistema operativo: a ‘Partilha de Ficheiros’, uma opção que está dentro da pasta ‘Partilha’ das ‘Preferências do Sistema’. Ao activar esta solução, pode adicionar as pastas de um computador Mac que quer partilhar na rede e quais os utilizadores que podem ter acesso às mesmas. Para fazer isto basta carregar no ícone ‘+’ que está por baixo das duas colunas: ‘Pastas partilhadas’ e ‘Utilizadores’. Pode também dar autorizações específicas a cada utilizador: só escrita, só leitura, leitura e escrita. Depois de terminada esta parte, aceda ao seu outro Mac e, na barra ‘Finder’ do desktop, entre em ‘Ir’ e depois em ‘Rede’. Faça duplo clique no seu Mac de origem (pode ter de colocar o nome de utilizador e password, caso tenha este nível de segurança activado) e verá as pastas que partilhou. Pode depois movimentar ficheiros de um Mac para o outro à vontade.

partilha-ficheiros-mac

AirDrop
É um recurso muito útil para enviar, de forma pontual, um ficheiro de um Mac para outro e que também funciona com iPad e iPhone. No ‘Finder’, clique em ‘Ir’ e depois em ‘AirDrop’ em ambos os Mac: aquele de onde vai mandar o ficheiro e aquele que o vai receber (pode ser mais que um, desde que estejam na mesma rede Wi-Fi). Depois é tudo muito simples: o computador de destino aparece numa interface que parece um radar e basta arrastar o ficheiro a enviar para cima do seu ícone. Faça o mesmo se quiser enviar fotos, por exemplo, de um iPhone para um Mac.

airdrop

Dropbox LAN Sync
Falamos neste serviço de cloud em concreto, mas o método de funcionamento é semelhante ao do OneDrive ou Google Drive. O conceito é ter os ficheiros na cloud com duas pastas ligadas à mesma conta nos vários computadores Mac em que queremos ter acesso aos mesmos ficheiros. Mas aqui há um truque para que não tenha de haver sincronização com o servidor remoto do Dropbox, o que acaba com os tempos de espera de sincronização. Só há uma coisa de que tem de ter a certeza: os computadores têm de estar todos ligados na mesma rede. Entre nas preferências do Dropbox, a partir do ícone que tem na taskbar do Mac, depois aceda ao separador ‘Network’ e active a opção ‘Enable LAN sync’.

dropbox_

iCloud Drive
O iCloud da Apple serve mais para guardar documentos criados em aplicações para Mac OS (como o Keynote), mas é claro que pode usar este recurso para partilhar ficheiros entre dois ou mais Mac, desde que faça login com a mesma conta em todos. Talvez por isso, esta seja uma solução melhor para casa e não para um escritório, onde cada pessoa tem a sua conta iCloud. Se for esta a sua opção, no ‘Finder’ entre em ‘Ir’ e seleccione ‘iCloud Drive’. Vai ver uma série de pastas que já estão criadas por defeito e ligadas às apps das quais têm informação: no nosso caso, Keynote, Automator, Editor de Texto e Pré-visualização. A única coisa a fazer é arrastar para a iCloud Drive os ficheiros ou pastas que quer partilhar. Contudo, tenha em atenção que o espaço no iCloud é muito limitado: apenas 5 GB gratuitos.

icloud-drive_

BitTorrent Sync
Então pensava que os torrents serviam apenas para pirataria, não era? Nada disso, consegue fazer coisas totalmente legais com este sistema de troca e download de ficheiros. A nossa preferência vai para a app gratuita (embora com algumas funções que são pagas) BitTorrent Sync (getsync.com – carregue em ‘Individuals’ na homepage e depois em ‘Download’) que nos deixa ter uma pasta partilhada com ficheiros em vários Mac. Depois de instalada, basta começar a escolher as pastas que quer sincronizar entre os computadores: obviamente que vai ter de a instalar em cada máquina onde quer ter acesso aos ficheiros. Também há uma app para iOS, para que iPhone e iPad não fiquem fora deste festim da partilha legal: apple.co/2bdwEui.

bittorrent_

FTP
Ah, o velhinho recurso ao FTP, essa forma de partilha mítica e histórica da Web onde muitos de nós começámos a partilhar ficheiros, mais ou menos legais. Mas, tal como os torrents, vamos explicar-lhe como usar este recurso para o bem. E nem vai ser preciso qualquer app externa, já que o Mac OS tem esta ferramenta integrada no sistema. Basta entrar nas ‘Preferências do Sistema’ > ‘Partilha’ e depois activa a função ‘Acesso Remoto’. Assim que o faz é-lhe dado um endereço FTP que tem de inserir em ‘Finder’ > ‘Ir’ > ‘Ligar ao Servidor’ no Mac a partir do qual quer aceder ao computador de origem.

ftp_

CONCLUSÃO
Depois de experimentadas todas estas soluções, é a Partilha de Ficheiros que funciona melhor entre uma rede com Mac. Aqui não estamos limitados aos valores impostos pelos serviços de cloud, o que desde logo é uma vantagem. Para transferir ficheiros pontuais de um Mac para outro o recurso mais indicado é o AirDrop, sobretudo porque também funciona com os iDevices.

Categorias
Guia completo

Jornalista de tecnologias desde 2005, tem interesse especial por gadgets com ecrã táctil. Gosta de carros rápidos e de hotéis caros. Não tem um helicóptero porque decidiu gastar o prémio do último Euromilhões no desenvolvimento de um smartphone de marca própria.
Assinaturas

ARTIGOS RELACIONADOS

Newsletter PCGuia
Subscreva a newsletter da PCGuia para ficar a par das últimas notícias, dicas e análises de hardware e software.
Subscrever
close-link